22/7/11 3:00
Atualizado em 22/7/11 às 3:00

Nova campanha de doação de leite materno

Secretaria de Saúde destaca que doação é fundamental para os recém-nascidos internados

    Secretaria de Saúde do DF

    A Secretaria de Saúde (SES/DF) está com uma nova campanha de incentivo à doação de leite materno. Por meio de anúncios em rádio, TV, jornais, além de cartazes e folhetos, a instituição faz um apelo às mães do Distrito Federal para que doem o excesso de leite para os bebês internados nos hospitais da rede pública. “Essa campanha é importante, pois a quantidade doada caiu 12% nos primeiros seis meses deste ano, em comparação ao mesmo período de 2010”, explica a coordenadora dos bancos de leite da SES, Miriam Santos.
     

    Como o slogan Doe leite materno e alimente a vida de muitas crianças a campanha destaca que a aleitamento natural é fundamental para o bebê e que a prioridade são os recém-nascidos internados. “Queremos sensibilizar as mães brasilienses”, salienta Miriam, acrescentando que doar não custa nada e salva vidas. Quem quiser colaborar, segundo ela, pode entrar em contato com os bancos de leite dos hospitais ou ligar para o número 193, do Corpo de Bombeiros.
     

    Os bancos de leite humano funcionam para garantir a alimentação adequada das crianças internadas e oferece seus serviços gratuitamente à população. O período de dependência em relação ao banco de leite pode variar de dias a meses, conforme o peso de nascimento e as condições de saúde.
     

    A maioria das mães produz leite em excesso, especialmente do terceiro ao quinto dia após o parto. Toda mulher saudável que esteja amamentando pode doar leite, sem que isso traga algum tipo de prejuízo para o filho. Há a possibilidade de coleta em casa. A mãe telefona para o serviço e os profissionais, geralmente um militar do Corpo de Bombeiros, vão até ela para recolher o leite. O DF é precursor e referência na coleta de leite humano em casa.
     

    Amamentar significa mais do que garantir a saúde do bebê em seus primeiros meses de vida. Representa um ato de amor que contribui sensivelmente para que a criança tenha um bom desenvolvimento e se torne um adulto também saudável.  Além disso, traz uma série de benefícios para a saúde das mães, dizem os especialistas.