6/6/14 17:27
Atualizado em 17/5/16 às 14:43

Unidade de capacitação profissional é inaugurada em Santa Maria

Sede do Instituto Federal de Brasília atenderá 200 alunos a partir de agosto


. Foto: Dênio Simões/GDF

 SANTA MARIA (6/6/14) – O sonho de ter um curso profissionalizante está mais próximo de se tornar realidade para os moradores de Santa Maria. Nesta sexta-feira (6), durante a 12ª edição do “GDF Junto de Você”, foi inaugurada na cidade uma nova unidade de extensão do Instituto Federal de Brasília (IFB). Com capacidade para 200 alunos, a instalação, a partir de agosto, oferecerá diversos cursos.

 

“O IFB é um parceiro maravilhoso do GDF. Em 2011 tínhamos 1,2 mil vagas de cursos profissionalizantes em todo o DF. Hoje, ultrapassamos 19 mil. Isso significa dar oportunidade para nossa população. Para nós, é uma grande revolução na área técnica, um setor que tínhamos uma deficiência brutal”, frisou o governador Agnelo Queiroz, em visita ao espaço, acompanhado do vice-governador Tadeu Filippelli.

 

Criado em 2008, o IFB é uma organização cuja missão é oferecer capacitação profissional, gratuitamente, desde o ensino técnico à pós-graduação. No DF, a instituição tem campi no Plano Piloto, Ceilândia, Estrutural, Gama, Planaltina, Riacho Fundo, Samambaia e Taguatinga.

 

Com essa nova unidade, o acesso da população à educação profissional será facilitado. Pelo Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), a comunidade de Santa Maria poderá fazer, por exemplo, cursos de auxiliar administrativo, inglês, espanhol e de recepcionista. Cada uma das áreas terá carga-horária de 205h.

 

A unidade está localizada na Avenida Alagados, ao lado da Administração Regional de Santa Maria e do Restaurante Comunitário.

 

MAIS MELHORIAS – Durante a visita do governador à cidade, as obras do programa “Asfalto Novo” foram vistoriadas, na Quadra 216. Santa Maria, segundo Agnelo, receberá 90km de nova pavimentação.

 

Mais de 50% das vias do DF deverão receber novo asfaltamento ainda este ano para proporcionar mais segurança e melhor qualidade de vida aos motoristas.

 

O programa terá investimento total de R$ 771 milhões.

 

(F.M./M.D*)