27/6/16 12:03
Atualizado em 5/7/16 às 14:25

Tem início evento prévio do 8º Fórum Mundial da Água

Cerca de 800 representantes de mais de 50 países estão em Brasília para debater ideias na área de recursos hídricos e preparar a edição de 2018 do fórum, que será na capital federal

Foi dada a largada para o 8º Fórum Mundial da Água. Ocorre até as 20 horas desta segunda-feira (27) e das 9 às 17 horas de terça (28) o Kick-off Meeting, uma prévia do evento marcado para 18 a 23 de março de 2018 na cidade. Cerca de 800 representantes de mais de 50 países de todos os continentes estão em Brasília, primeira cidade do Hemisfério Sul a receber o fórum, para debater e coletar ideias inovadoras para o uso da água em todo o planeta.

Governador Rollemberg discursa durante evento.
Cerca de 800 representantes de mais de 50 países estão em Brasília para debater ideias na área de recursos hídricos. Foto: Gabriel Jabur/Agência Brasília

O evento, fechado para inscritos, ocorre no Centro de Convenções Ulysses Guimarães. Os participantes foram divididos em grupos: temático, que debaterá assuntos abordados no fórum; político, que reunirá governantes e parlamentares na discussão de estratégias que envolvam a água; regional, que dissertará sobre as perspectivas locais em várias partes do mundo; e sustentável, que abordará o uso consciente dos recursos hídricos.

Após os debates, membros da comissão organizadora do fórum continuam em Brasília para visitas técnicas. Outro objetivo das reuniões é compartilhar os resultados da última edição, ocorrida em Daegu, na Coreia do Sul, em abril de 2015. “A partir deste evento, Brasília passa a ser a capital mundial da água. Faremos debates, oficinas e outras ações nesses dois anos”, disse o governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, no Centro de Convenções.

O presidente da Agência Nacional de Águas (ANA), Vicente Abreu, e o presidente do Conselho Mundial da Água, Benedito Braga, acompanharam o governador na abertura do evento prévio. Na plateia estavam os secretários da Agricultura, Abastecimento e Desenvolvimento Rural, José Guilherme Leal, do Meio Ambiente, André Lima, e de Cultura, Guilherme Reis, o diretor-presidente da Companhia de Saneamento Ambiental do DF (Caesb), Maurício Luduvice, e os senadores Jorge Viana (PT-AC) e Roberto Muniz (PP-BA), entre outras autoridades.

Estimativa para 2018 e histórico do Fórum Mundial da Água

São esperados cerca de 30 mil representantes de mais de cem países no Fórum Mundial da Água em 2018, que terá investimento de R$ 80 milhões — R$ 50 milhões da iniciativa privada e R$ 30 milhões repartidos entre governos federal e local. O evento receberá empresas públicas e privadas, universidades, centros de pesquisa, representantes dos governos locais, estaduais e nacionais, organismos nacionais e internacionais, organizações não governamentais e diversos outros entes da sociedade civil.

O tema da edição brasileira é Compartilhando Água. As atividades do evento seguirão os preceitos definidos pelos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas, conjunto de metas internacionais que devem ser atendidas até 2030. Para tanto, consideram-se aspectos políticos, técnicos, sociais, econômicos e ambientais durante os trabalhos.

“Nossas metas estão alinhadas com um dos objetivos de desenvolvimento sustentável, o de garantir água limpa e saneamento básico para todos. Por isso, falaremos das relações da água com a agricultura, a energia e a indústria e da poluição, entre outros temas”, afirmou o diretor-presidente da Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento do Distrito Federal (Adasa), Paulo Salles.

Criado em 1996 pelo Conselho Mundial da Água, o fórum foi idealizado para estabelecer compromissos políticos acerca dos recursos hídricos. O evento, que ocorre a cada três anos, já passou por Daegu, na Coreia do Sul (2015); Marselha, na França (2012); Istambul, na Turquia (2009); Cidade do México, no México (2006); Kyoto, no Japão (2003); Haia, na Holanda (2000); e Marrakesh, no Marrocos (1997).

Kick-off Meeting do 8º Fórum Mundial da Água
27 e 28 de junho de 2016 (segunda e terça-feira)
Das 9 às 20 horas (segunda) e das 9 às 17 horas (terça)
No Centro de Convenções Ulysses Guimarães (Eixo Monumental)
Fechado para inscritos
Mais informações em www.worldwaterforum8.org

Edição: Marina Mercante

Galeria de Fotos

Tem início evento prévio do 8º Fórum Mundial da Água