16/11/16 15:28
Atualizado em 16/11/16 às 18:06

Com atletas de todas as regiões do DF, Jogos Abertos começam no sábado (19)

Solenidade de abertura será na quinta (17), a partir das 10 horas, no Centro de Convenções Ulysses Guimarães

De 19 de novembro a 4 de dezembro, 3.284 atletas das 31 regiões administrativas de Brasília disputam, em mais de dez categorias, os Jogos Abertos de Brasília 2016. Com entrada gratuita, a abertura será às 10 horas desta quinta-feira (17), no Centro de Convenções Ulysses Guimarães. A solenidade terá a participação de Caio Bonfim, quarto colocado na prova de 20 km da marcha atlética na Olimpíada Rio 2016. Ele acenderá a pira.

As competições serão sempre aos fins de semana e ocorrerão no Centro Integrado de Educação Física (907 Sul), nos ginásios do Núcleo Bandeirante (Avenida do Contorno), do Cruzeiro (Quadra 811, Cruzeiro Novo), da Candangolândia (QN 2, Centro) e do Guará (QE 23) e no Complexo Aquático Claudio Coutinho (Setor Recreativo Parque Norte, Eixo Monumental). “Não tínhamos um evento com a participação de todas as regiões. Por isso, decidimos resgatar os jogos abertos”, explica a secretária do Esporte, Turismo e Lazer, Leila Barros. O torneio foi criado na década de 1980 e retomado no ano passado.

A cidade que acumular mais prêmios levará um troféu maior, que passará a cada ano para a região vencedora

As equipes das 31 regiões administrativas concorrerão entre si. As três primeiras em cada modalidade serão premiadas com troféus, enquanto os integrantes dos times ou praticantes de esportes individuais que subirem ao pódio ganharão medalhas. O lugar que acumular mais premiações levará um troféu maior, que será itinerante e passará a cada ano para a região vencedora.

Para se inscrever, a única restrição foi quanto à idade — mínima de 16 anos. Os participantes não precisam ser moradores da região que escolheram representar. “Queremos despertar o amor à cidade, ao lugar onde [a pessoa] se sente bem”, diz a secretária.

Modalidades dos Jogos Abertos de Brasília e recursos investidos

As modalidades são atletismo, basquete, futsal, handebol, judô, natação, tênis de mesa e vôlei, além de natação, basquete em cadeira de rodas, atletismo e tênis de mesa para atletas com deficiência.

O investimento nos Jogos Abertos foi de R$ 180 mil, sendo R$ 16 mil do governo de Brasília — correspondente a estrutura de grades, troféus e medalhas — e o restante dividido entre o Banco de Brasília e a Federação das Indústrias do Distrito Federal (Fibra), patrocinadores do evento.

Edição: Marina Mercante