15/3/17 9:46
Atualizado em 3/5/17 às 18:19

Virada do Cerrado terá foco nos recursos hídricos em 2017

Comitê criativo planeja estratégias de abordagem do tema em encontro aberto ao público nesta quinta-feira (16). Evento integra programação do Mês das Águas

Para incentivar a participação popular nas ações de preservação ambiental em Brasília, as diretrizes para edição de 2017 da Virada do Cerrado serão definidas de forma conjunta entre o governo e a comunidade.

Nesta quinta-feira (16), às 9 horas, membros do comitê criativo, lideranças de entidades de cunho ambiental, governo e sociedade se unem para traçar as estratégias do programa. Neste ano o tema será Água — em 2016, foi Mudanças Climáticas e, em 2015, Cidadania.

"Sem educação ambiental, não há conscientização sobre a importância dos recursos hídricos"Gabriela Barbosa, subsecretária de Educação e Mobilização Socioambiental

Com a grave escassez de água que castiga o Distrito Federal, a expectativa é abordar os desafios inerentes ao momento e conscientizar a população sobre a relevância dos recursos hídricos.

“Vamos debater as estratégias, locais de atuação, apresentar uma proposta de calendário do ano e definir as formações sobre o tema que devem ser replicadas nas regiões administrativas”, adianta Gabriela Barbosa, subsecretária de Educação e Mobilização Socioambiental, da Secretaria do Meio Ambiente, do grupo gestor do programa.

A previsão é que em 2017 o evento ocorra de 1º a 3 de setembro. Em 2016, 45 mil pessoas participaram das atividades. Em 2015, a iniciativa havia mobilizado 20 mil.

A Virada do Cerrado é um movimento contínuo, que chega ao ápice em setembro, mês em que o Dia do Cerrado é celebrado, mas as ações ocorrem durante todo o ano. “Sem educação ambiental, não há conscientização sobre a importância dos recursos”, aposta a gestora.

O calendário de sugestões da equipe gestora envolve os seguintes temas:

  • Ciclo da água,
  • Água e território,
  • Gestão de recursos hídricos
  • Tecnologias sociais com a água

Além disso, serão apresentadas as metas para o ano e um apanhado do histórico das últimas edições.

As atividades serão abertas com a palestra da consultora na área de recursos naturais e sustentabilidade Marussia Whately, integrante do grupo Aliança pela Água, de São Paulo. “Queremos aprender com a experiência da capital paulista na gestão dos recursos hídricos.”

Reunião do comitê criativo da Virada do Cerrado

Nesta quinta-feira (16)

Às 9 horas

Na Sala do Conselho de Desenvolvimento de Turismo do Centro de Convenções Ulysses Guimarães (Eixo Monumental)

Edição: Vannildo Mendes