9/4/18 12:21
Atualizado em 9/4/18 às 12:22

Adasa fica entre 6 primeiros em ranking de transparência ambiental

Classificação do Ministério Público Federal considera disponibilidade, atualização e detalhamento de dados na internet

A Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento Básico do Distrito Federal (Adasa-DF) está entre as seis instituições que dividem o primeiro lugar, com nota máxima, no ranking transparência ambiental, do Ministério Público Federal.

A classificação deve-se à disponibilidade de dados relativos à outorga de água (concessão de direito ao uso de recursos hídricos). São considerados a divulgação dos dados na internet e itens de qualidade, como atualização e detalhamento.

O desempenho de 104 órgãos federais e estaduais foi avaliado por meio do Serviço de Atendimento ao Cidadão ou via ofício, com pedido de informações.

Os que atenderam de forma adequada e dentro dos prazos previstos na Lei de Acesso à Informação, como a Adasa, receberam menção favorável.

A ideia é repetir a avaliação periodicamente para medir o nível de transparência ambiental no Brasil.

No ranking geral de órgãos, além da Adasa, os classificados em primeiro lugar são:

  • Agência Nacional de Águas (ANA)
  • Instituto de Águas do Paraná
  • Instituto de Desenvolvimento Florestal e da Biodiversidade do Estado do Pará (Ideflor-BIO)
  • Instituto Estadual de Florestas de Minas Gerais (IEF)
  • Instituto Mineiro de Gestão das Águas