21/2/19 14:15
Atualizado em 21/2/19 às 14:23

Vice-governador homenageia Tomada de Monte Castelo

Data celebra a conquista das tropas brasileiras da principal posição defensiva no norte da Itália, durante a Segunda Guerra

Fotos: Acácio Pinheiro/Agência Brasília
Vice-governador Paco Britto participa de solenidade em homenagem a Tomada de Monte Castelo

 

Ao som de trombetas e da Canção do Expedicionário, o vice-governador do Distrito Federal, Paco Britto, participou na manhã desta quinta-feira (21), da cerimônia em comemoração aos 74 anos da Tomada de Monte Castelo.

O evento foi realizado no Pátio Marechal Zenóbio da Costa, no Batalhão de Polícia do Exército, Setor Militar Urbano (SMU). O vice-governador estava acompanhado do comandante militar do Planalto, o general de Divisão Sérgio da Costa Negraes, além de outras autoridades.

A cerimônia comemorou o aniversário da Tomada de Monte Castelo, ocorrida em 21 de fevereiro de 1945, durante a Segunda Guerra Mundial, na Itália. Na ocasião, a 1ª Divisão de Infantaria Expedicionária atacou e conquistou a principal posição defensiva inimiga ao norte daquele país, abrindo caminho para as vitórias das tropas brasileiras contra as forças nazifascistas na Europa.

Força Expedicionária

O tenente-coronel Glauber, subcomandante do Batalhão de Polícia do Exército de Brasília – Batalhão Brasília, foi quem apresentou a tropa. O tenente-coronel Nestor da Silva, combatente da Força Expedicionária Brasileira (FEB) na batalha, desfilou à frente do palanque. Nestor foi o mais antigo integrante da FEB presente à cerimônia.

Para encerrar o evento, a tropa retirou-se do pátio entoando a canção do Comando Militar do Planalto e desfilou ao som das músicas “Batista de Melo”, “Barão do Rio Branco” e “Saudade da Minha Terra”.

 

Galeria de Fotos

Vice-governador participa da Solenidade de Tomada de Monte Castelo