28/2/19 11:52
Atualizado em 12/7/19 às 16:35

Avaliação de conhecimentos passa a ser permanente

Alunos da rede púbica dos ensinos fundamental e médio serão avaliados em matemática e português em todo o DF

Testes funcionam como guia para os professores elaborarem as aulas ao longo do ano letivo, pois resultados permitem identificar as fragilidades dos alunos / Foto: Agência Brasília

Os estudantes da rede pública de ensino do ensino fundamental e do ensino médio serão avaliados sobre seus conhecimentos em português e matemática. Até esta sexta-feira (1º de março), as escolas públicas do DF estão aplicando avaliações de aprendizagem aos alunos do quarto ao nono ano do ensino fundamental e da primeira à terceira série do ensino médio.

Os testes funcionarão como guia para os professores elaborarem as aulas ao longo do ano letivo. Os resultados vão permitir a identificação das principais fragilidades dos alunos e proporcionar aos docentes um diagnóstico para atuarem com foco nos problemas detectados. O secretário de Educação, Rafael Parente, informa que as avaliações, a partir de agora, serão permanentes.

 “É preciso saber como os alunos estão para tomar decisões sobre como eu vou me comportar na sala de aula e durante o ano letivo”, resume a professora Bruna Monsoeth de Sousa, que aplicou a avaliação de português para uma turma do quinto ano da Escola Classe 3 do Paranoá.  A instituição atende a cerca de 800 crianças, desde o segundo período do ensino infantil até o quinto ano do ensino fundamental, nos turnos matutino e vespertino.

Cadernos

Além da avaliação de aprendizagem, a Secretaria de Educação elaborou cadernos de revisão, compostos por 12 sugestões de atividades que incluem breve contextualização das temáticas e respostas e aprendizagens esperadas na avaliação. Serão dois cadernos por aluno, um de língua portuguesa e outro de matemática. Ao todo, são 18 cadernos diferentes para alunos a partir do quarto ano do ensino fundamental e séries do ensino médio.

 Os cadernos trazem, ainda, sugestões de links que podem ser consultados para complementar ou aprofundar o estudo da temática trabalhada. As publicações servem como apoio para o trabalho do professor nas intervenções pedagógicas a partir dos resultados obtidos, bem como material de estudo e autoavaliação para o estudante.

Tanto a avaliação de aprendizagem quanto o caderno de revisão foram elaborados para mitigar as dificuldades que surgiram devido ao atraso na entrega dos livros didáticos às escolas do DF pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), autarquia vinculada ao Ministério da Educação.

Desempenho

Os resultados da avaliação de aprendizagem serão lançados pelos próprios professores no site da avaliação institucional. Dessa forma, o portal disponibilizará um relatório do desempenho de cada estudante, turma e da unidade escolar, o que possibilitará o direcionamento de atividades pedagógicas mais adequadas às necessidades educacionais dos estudantes.

 

* Com informações da Secretaria de Educação do GDF