16/4/19 14:18
Atualizado em 15/5/19 às 13:16

Projeto “Sejus mais perto do Cidadão” agora é ação permanente

Programa desenvolvido pela Sejus leva para todo o Distrito Federal serviços e ações de vários órgãos do GDF, além de orientações sobre atendimento a vítimas de violência e direitos da população LGBT, pessoas com deficiência, idosos, crianças e adolescentes, entre outros

GDF transforma projeto Sejus mais perto do Cidadão em permanente. Foto: Renato Alves/Agência Brasília

O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha, instituiu de forma permanente o projeto “Sejus mais perto do Cidadão”, por meio de decreto publicado nessa segunda-feira (15/04), no Diário Oficial do Distrito Federal.

O programa, desenvolvido pela Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus), leva para as Regiões Administrativas do Distrito Federal serviços e ações da secretaria e de outros órgãos do GDF, além de orientações sobre programas de atendimento a vítimas de violência e direitos da população LGBT, pessoas com deficiência, idosos, crianças e adolescentes, atendimentos do Procon e do Na Hora.

“A ideia é, pelo menos, uma vez por mês, estar nas cidades para levar cidadania à população com serviços essenciais. Depois de passar pela Candangolândia e Paranoá, a próxima edição será realizada no Riacho Fundo I”, afirmou o secretário de Justiça e Cidadania, Gustavo Rocha, ao comemorar a iniciativa.

As ações são realizadas por meio de palestras, rodas de conversas, diálogos com estudantes, incentivo ao esporte, apresentações culturais e atividades lúdicas.

Os serviços prestados pela Sejus são:

– Emissão de documentos e de certidões, parcelamento de débitos e demais serviços oferecidos pelo Serviço de Atendimento Imediato ao Cidadão;

– Orientação sobre prevenção e combate ao uso de drogas, em especial aos jovens usuários e seus familiares;

– Apoio psicossocial e esclarecimentos jurídicos às vítimas de violência e seus familiares;

– Informações sobre o funcionamento e a execução dos serviços funerários e de cemitérios;

– Orientações sobre os direitos da criança e do adolescente, o respeito à pessoa idosa, a inserção no mercado de trabalho da pessoa com deficiência, o combate à LGBTfobia, e o respeito aos demais grupos historicamente invisibilizados e/ou excluídos pelas políticas públicas;

– Exposição dos produtos confeccionados nas oficinas das unidades prisionais – Mostra Laboral;

– Informações sobre o funcionamento do Sistema Socioeducativo e a execução das medidas socioeducativas.

– Orientações aos consumidores e fornecedores quanto aos seus direitos e deveres nas relações de consumo.

 

Confira o decreto que instituiu o “Sejus mais perto de você” como ação permanente.

 

*Com informações da Secretaria de Justiça