7/6/19 14:07
Atualizado em 7/6/19 às 16:41

Distrito Federal tem deflação de 0,05% em maio

Preço das passagens aéreas, que teve uma variação negativa de 12,74%, exerceu grande impacto no índice

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) registrou deflação de 0,05% em maio no Distrito Federal, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgados nesta sexta-feira (7).

Foi a menor inflação mensal, junto com a do Rio de Janeiro, entre as 16 regiões pesquisadas pelo IBGE – e em sentido oposto ao da inflação brasileira, que foi de 0,13%.

Segundo análise realizada pela Codeplan, a redução do preço das passagens aéreas, que teve uma variação negativa de 12,74%, exerceu grande impacto índice.

“Como ela (a passagem) tem peso grande na cesta de consumo, ela basicamente carregou o resultado da inflação em maio”, explica a gerente de Contas e Estudos Setoriais da Codeplan, Clarissa Jahns Schlabitz.

No grupo transportes, houve também queda no preço dos automóveis novos (-1,07%) e dos serviços de conserto de automóvel (-0,84).

Entre os alimentos e bebidas, vale destacar as quedas do feijão carioca, -13,86%, tomate, -9,24%; e mamão, -19,92%.

Parte deste resultado está relacionada à sazonalidade de alguns alimentos e à redução das chuvas.