10/10/19 20:01
Atualizado em 10/10/19 às 20:01

Operação do DF Legal impede construção de condomínio irregular

Ação foi realizada no Assentamento Vila 26 de Setembro para impedir o surgimento de um condomínio irregular

A Secretaria DF Legal promoveu mais uma operação no Assentamento Vila 26 de Setembro, nesta quinta-feira (10), para impedir a construção de um condomínio ilegal que estava sendo erguido em área ambiental. Na semana passada, já haviam sido retiradas seis construções no local.

A área já estava toda cercada, com pistas de acesso e trânsito interno já delimitadas, com 16 postes e transformador, vários lotes demarcados com cercas e piquetes, além de fossas sépticas. Bases de concreto e uma edificação de alvenaria também foram retirados pelo DF Legal.

A operação faz parte da missão institucional da secretaria, que – aliada a outros órgãos do GDF – trata de impedir que novas invasões avancem e que a população seja lesada e enganada por grileiros. Ao mesmo tempo, a Secretaria de Habitação tem criado novas áreas para oferecer casas e apartamentos em todo o Distrito Federal.

De acordo com denúncias, o local era alvo de grileiros que revendiam lotes entre R$ 60 mil e R$ 100 mil. A Polícia Civil está trabalhando para identificar e prender os suspeitos. A expectativa de lucro fraudulento com essa venda fica entre R$ 6 milhões e R$ 10 milhões.

Invasão
Na semana passada (3), a secretaria fez a primeira operação no assentamento 26 de Setembro, neste ano. O assentamento foi invadido irregularmente desde 2009 e é alvo constante da fiscalização do governo. Durante a operação foram removidas seis edificações de alvenaria, além de 580 metros de muros de concreto, aproximadamente. A CEB também retirou sete pontos de energia clandestinos do local.

*Com informações do DF Legal