17/12/19 13:47
Atualizado em 17/12/19 às 13:47

PMDF e TJDFT reafirmam parceria para o enfrentamento da violência contra a mulher

Todas as regiões do Distrito Federal contam com o Provid

A Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF), por meio do policiamento de Prevenção Orientada à Violência Doméstica e Familiar (Provid), reafirmou a parceria com o Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT) para os próximos cinco anos. Os dois órgãos assinaram a renovação do Termo de Cooperação Técnica que permite o encaminhamento de vítimas de violência doméstica para serem acompanhadas pelo Programa.

Só neste ano, de janeiro a novembro, foram realizados 11.012 atendimentos pelo Provid. Em todo ano passado foram feitos 10.765 atendimentos. A maior parte das assistências são feitas por encaminhamentos do TJDFT, por meio das varas de violência contra a mulher. As ocorrências registradas pelo 190 também são monitoradas por equipes dos batalhões, que monitoram aquelas que necessitam de acompanhamento. Denúncias anônimas também são recebidas por meio dos telefones e e-mails das unidades.

“Estamos reafirmando uma parceria que existe há cinco anos, com resultados positivos em todo o Distrito Federal. Buscamos promover segurança pública e direitos humanos por meio das atividades de polícia ostensiva direcionadas à prevenção e enfrentamento da violência doméstica, com utilização de metodologia própria, orientada pelos eixos de prevenção”, disse a coordenadora do programa, tenente Adriana Vilela.

As demandas também chegam por meio do MPDFT, unidades dos Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), conselhos tutelares, delegacias especializadas, Núcleo de Atendimento às Famílias e Autores de Violência Doméstica (NAFAVD) e Defensoria Pública. As equipes que atuam no policiamento analisam cada situação, esclarecem e direcionam a vítima aos atendimentos específicos

Priorizando a vida

O foco principal do Provid é atender demandas relacionadas à Lei Maria da Penha e casos de violência contra a mulher. Casos envolvendo crianças, adolescentes e idosos também fazem parte das demandas.

O Programa é uma estratégia de policiamento baseada na filosofia de polícia comunitária e atua no enfrentamento de conflitos que ocorrem no âmbito privado. Desta forma, busca prevenir, inibir e interromper o ciclo da violência doméstica e familiar, por meio do policiamento ostensivo e das visitas comunitárias.

Os eixos de atuação do Provid são ações de prevenção; policiamento ostensivo com visitas solidárias a famílias em contexto de violência e articulação junto aos órgãos que compõem a rede de enfrentamento à violência doméstica e familiar.

Maior abrangência
O Provid foi expandido para todos os comandos regionais da PMDF. Desta forma, todas as regiões do Distrito Federal passam a contar com o Programa.

  • Com informações da SSP