18/12/19 16:55
Atualizado em 18/12/19 às 17:12

Fabricantes de pneu recolhem descartes em Brasília após decisão judicial

Produto faz parte da Política de Logística Reserva e deve ser coletado pelos fabricantes

SOS DF Obras
Servidores do SLU recorrentemente recolhem pneus velhos para evitar água acumulada | Foto: Renato Alves / Agência Brasília

O Serviço de Limpeza Urbana do Distrito Federal (SLU) obteve decisão favorável da Justiça, nesta terça-feira (17), a respeito de descarte de produção por empresas locais. Após audiência de conciliação, grupos responsáveis por fabricação e destinação de pneus reconheceram sua responsabilidade e começam a cumprir a legislação de recolhimento de pneus usados no Distrito Federal.

A decisão da audiência, que faz valer a Política Nacional de Resíduos Sólidos, passou a ser cumprida já nesta quarta-feira (18), por meio da Cooperativa 100 Dimensões – trata-se do grupo escolhido pela Associação Nacional da Indústria de Pneumáticos e pela Associação Brasileira de Importadores e Distribuidores de Pneus como responsável pelo recolhimento do material.

Apenas no primeiro dia de atividade a cooperativa retirou três carretas de pneus do DL Norte do SLU, localizado no SGON, Quadra 05, Lote 23. Na tarde do mesmo dia a coleta continuou no Papa Entulho do Gama. As ações de recolhimento continuam nos próximos dias, começando novamente pelo DL Norte nesta quinta-feira (19).

Essa é uma vitória importante para o SLU e para a população do DF, pois determina a destinação adequada de pneus no sistema de logística reversa. A providência evita externalidades negativas geradas ao meio ambiente e riscos à saúde pública, em especial porque tais materiais são vetores de mosquitos como o Aedes aegypti, que transmite o vírus da dengue.

 

* Com informações do SLU