3/1/20 13:49
Atualizado em 5/1/20 às 21:17

Estação Estrada Parque em regime experimental

A partir de segunda-feira (6), 10 mil novos usuários de Águas Claras e região serão beneficiados diariamente com a entrada em operação da EPQ

Depois de mais de 20 anos de espera, os moradores de Águas Claras e região vão poder usufruir da Estação Estrada Parque (EPQ). A partir da próxima segunda-feira (6), ela vai estar aberta ao público de forma experimental, funcionando para testes operacionais. A previsão é que sejam atendidos cerca de 10 mil novos usuários diariamente. Não há previsão para a estação ser inaugurada oficialmente.

Foto: Acácio Pinheiro/Agência Brasília

A conclusão da Estação Estrada Parque vai permitir ao Metrô-DF ampliar a prestação do serviço de transporte metroviário e aumentar a receita tarifária. Nas proximidades da Estação Estrada Parque há cinco faculdades e um empreendimento imobiliário com mais de 3 mil pessoas – o que fez aumentar a procura pelo transporte público.

O valor total da obra foi de R$ 2,4 milhões e o contrato com a empresa vencedora da licitação previu a exigência da assinatura do Termo de Compromisso de Conduta Ética e de Combate à Corrupção, como uma obrigação de se ter um programa de integridade interno, com os funcionários, para evitar atos de corrupção.

Foto: Acácio Pinheiro/Agência Brasília

Para o diretor-presidente do Metrô-DF, Handerson Cabral, a empresa avançou bastante em 2019 em relação às obras das estações como a Estrada Parque e as 106 Sul e 110 Sul. “Com a primeira, mostramos que estamos atingindo nossos objetivos, a excelência no serviço”, diz ele. 

Sobre as estações da Asa Sul, a 106 Sul e a 110 Sul, Handerson Cabral informa que, nas duas estações, parte do acesso para o Eixo W está pronta. “Vamos entregá-las neste primeiro semestre de 2020 porque precisamos terminar o túnel que atravessa o Eixo e a construção dos acessos do Eixo L”, informa.

* Com informações do Metrô-DF