7/1/20 16:07
Atualizado em 10/1/20 às 12:44

Via de ligação tem 25% da drenagem concluída

Pelo menos 1,1 mil metros quadrados das obras já estão prontos. Trabalho é essencial para a segurança de comerciantes e frequentadores do SIA  

As obras de construção da Via de ligação do Setor de Inflamáveis- que permite uma saída estratégica da região -, no Setor de Abastecimento e Indústria (SIA), estão com 25% dos serviços de drenagem concluídos – isso equivale a 1.100 metros dos 4.400 previstos. 

O trabalho começou em outubro de 2019. “O andamento está de acordo com o cronograma estabelecido. Após a conclusão da topografia, foi iniciada a drenagem e a expectativa é acelerar ainda mais o ritmo das obras”, explica Ricardo Terenzi, subsecretário de Fiscalização e Acompanhamento de Obras do GDF.

Além da drenagem, será dada continuidade às vias já existentes (IN-1 e IN-2), seguindo paralelamente à via férrea até o Conjunto Lúcio Costa, onde se incorporam à via marginal da Estrada Parque Taguatinga (EPTG). Cada uma das duas novas vias terá duas faixas de rolamento (mão dupla), com 7 metros de largura, calçadas e ciclovia, numa extensão total de 3,7 km.

Para o secretário de Obras, Luciano Carvalho, a obra é essencial para a segurança de comerciantes e usuários do SIA.  “A região serve para evasão e acesso do Corpo de Bombeiros”, diz ele. 

O secretário ressalta que um incêndio no Setor, por menor que seja, é capaz de trazer consequências catastróficas para a Cidade Estrutural, Cidade do Automóvel, Cruzeiro, Octogonal, Lúcio Costa, Guará e Vicente Pires. “Além disso, um incidente dessa natureza comprometeria o abastecimento de combustível e gás de cozinha na capital do país”, explicou.

* Com informações da Secretaria de Obras