17/1/20 19:37
Atualizado em 18/1/20 às 12:41

EPTG: atenção aos locais de embarque e desembarque

Na via, existem linhas que passam pela faixa exclusiva – paradoras e semiexpressas – e as que trafegam pelas marginais

Os passageiros que utilizam os ônibus que passam pela Estrada Parque Taguatinga (EPTG) devem ficar atentos para saber onde passa cada uma das 98 linhas que trafegam pela via. São 30 linhas que passam pela faixa exclusiva e atendem os passageiros que precisam desembarcar ou embarcar nos 30 abrigos (15 em cada sentido) que estão no canteiro central.

Esses usuários podem utilizar os ônibus que possuem portas dos dois lados e economizam, em média, 30 minutos no total – somando o trajeto de ida e volta –, já que, antes, o deslocamento desses coletivos acontecia nas faixas de tráfego compartilhado. Essas linhas saem de Taguatinga, Ceilândia, Samambaia e Recanto das Emas para a Rodoviária do Plano Piloto e W3 Sul e Norte.

Para os cerca de 9 mil passageiros que utilizam as 11 linhas semiexpressas nada mudou. Os coletivos dessas linhas continuam passando pela faixa exclusiva da EPTG, contudo sem parar nos abrigos do canteiro central. Essas linhas partem do P Sul, Setor O e QNR 5 para a Rodoviária do Plano Piloto, W3 Sul e Norte. Todas possuem tarifa de R$ 5,50.

Existem, ainda, 57 linhas que não passam pela faixa exclusiva, de forma que os passageiros que as utilizam têm que desembarcar ou embarcar nos abrigos que estão nas marginais da via. Esses ônibus saem de Taguatinga, Ceilândia e Brazlândia e possuem como destino, principalmente, regiões que estão à margem da EPTG, a exemplo de Vicente Pires e Guará.

Faixas exclusivas 

A nova operação na EPTG com ônibus que permitem o embarque pelo lado esquerdo se iniciou no dia 13 de janeiro e pôs fim a uma longa espera por parte dos usuários do transporte público coletivo.

A via passou por obras de ampliação que foram concluídas em setembro de 2010. Foram construídas duas vias auxiliares (marginais), com duas faixas cada, além de uma faixa a mais em cada sentido da pista principal, totalizando oito faixas.

Já o corredor exclusivo para ônibus começou a funcionar somente em 31 de janeiro de 2012, mas para uso apenas das linhas semiexpressas.

Linhas com parada no corredor exclusivo