7/2/20 18:34
Atualizado em 7/2/20 às 18:34

DF apresenta deflação de 0,12% em janeiro

Índice mostra que houve queda nos preços da gasolina, passagem aérea e hospedagem 

 O Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) apresentou deflação de 0,12% em janeiro, se comparado a dezembro do ano passado (1,62%) no Distrito Federal, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE). O IPCA, divulgado mensalmente, indica a variação dos preços de produtos e serviços, além de ser considerado o indicador oficial da inflação no país.

O resultado do Distrito Federal registra que o consumidor paga mais barato em alguns itens. Segundo o IBGE, a queda nos preços da gasolina, passagem aérea e hospedagem puxaram o IPCA local para baixo.

Renato Coitinho, da Diretoria de Estudos e Pesquisa Socieconômicas da Codeplan, analisa o papel do setor de transportes, que inclui gasolina e passagem aérea, na composição do IPCA do DF. 

“A passagem aérea, aqui no DF, tem uma relevância dobrada na composição de preços em relação às outras unidades do país. As famílias gastam cerca de 1,5% com este item da cesta, levando em conta o poder aquisitivo da população e o número de viagens constantes de parlamentares, ministros e órgãos da administração federal”, explica.

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) também apresentou baixa de 0,04% em relação ao mês anterior, sendo que o reajuste da tarifa de ônibus urbano, em vigor desde janeiro, influenciou o resultado.

Por outro lado, os preços do grupo Habitação avançaram 0,34% no mês, principalmente em função da variação de 1,42% nas taxas de condomínio.

* Com informações da Codeplan