20/2/20 13:42
Atualizado em 20/2/20 às 15:27

Secretaria da Mulher e Fecomércio firmam cooperação técnica

A parceria vai garantir a promoção de ações para o desenvolvimento da Mulher

Foto: Divulgação / Secretaria da Mulher

Um importante acordo de cooperação técnica (ACT) foi assinado entre a Secretaria da Mulher – por meio da Rede Sou Mais Mulher – e a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Distrito Federal (Fecomércio/DF).

A parceria reforça as metas de promoção de cursos profissionalizantes e ações de empreendedorismo para mulheres vítimas de violência doméstica, bem a criação de banco de vagas para possível ingresso imediato no mercado de trabalho.

A assinatura do ACT ocorreu durante a primeira reunião da Câmara de Mulheres Empreendedoras de 2020 e contou com a presença de da secretária da Mulher, Ericka Filippelli; Ana Paula Hoff, esposa do vice-governador do DF, Paco Britto; integrantes do Conselho da Mulher Empresária do DF (CME/DF); o presidente da Fecomércio, Francisco Maia; a deputada federal Paula Belmonte e o diretor de Educação Profissional do Senac/DF, Gustavo Henrique Escobar Guimarães.

Ação conjunta

A secretária Ericka Filippelli lembrou que o GDF, sozinho, tem suas limitações e muitas vezes não consegue oferecer oportunidades com a urgência demandada pelas mulheres em situação de vulnerabilidade. “O elo formado entre o governador Ibaneis Rocha e sua equipe mostra que, juntamente com outros setores da sociedade, podemos trabalhar para mudar a vida dos moradores do Distrito Federal”, ressaltou.

 Francisco Maia destacou a presença das empresárias ao evento.  “Tenho certeza de que, trabalhando em defesa das mulheres do DF, esse coletivo mudará a vida de uma parcela importante da população feminina da nossa cidade”, declarou.

No encerramento da cerimônia, a presidente da Câmara de Mulheres da Fecomércio, Beatriz Guimarães, assegurou: “As mulheres que vão passar pelos nossos cursos poderão escolher ir para o mercado de trabalho ou empreender. Nós estamos apoiando as mulheres a serem autônomas e serem livres para escolher melhores caminhos para suas vidas”.

A Secretaria da Mulher tem como missão desenvolver e gerir ações transversais de enfrentamento a violência e de promoção da autonomia econômica das mulheres no Distrito Federal. Para tanto, entre as atribuições da SMDF está: atuar de forma transversal, em rede e articulada com organizações públicas e privadas, nacionais e internacionais buscando a promoção dos direitos das mulheres, e o enfrentamento a todos os tipos de violência contra estas.