28/2/20 16:23
Atualizado em 28/2/20 às 16:32

Novacap vai ampliar rede de drenagem no viaduto da EPCT

Obras visam conter os constantes alagamentos no local

Técnicos da empresa conduzirão trabalhos de limpeza e desobstrução de bocas de lobo no local | Foto: Renato Alves / Agência Brasília

O Governo do Distrito Federal entregou na manhã desta sexta-feira (28) o alargamento do viaduto que interliga a Estrada Parque Taguatinga (EPTG) e a Estrada Parque Contorno (EPCT). A obra – que estava parada desde 2015, quando teve início – vai beneficiar cerca de 135 mil motoristas diariamente.

Mas as ações do GDF não param por aí. A Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (Novacap) fez uma vistoria, também nesta sexta-feira, na parte inferior do mesmo viaduto, que constantemente é acometida por enchentes. Amanhã (sábado, 29), técnicos da empresa darão início aos trabalhos de limpeza e desobstrução de bocas de lobo no local. Com previsão de término para a próxima quarta-feira (4/3), esta ação também inclui a ampliação da rede de drenagem pluvial.

“Nossas ações visam minimizar os alagamentos naquela região, onde trafegam mais de 135 mil pessoas diariamente. Essa ação é complementar ao alargamento das pistas, com vistas a entregar o serviço completo à população que mora na região Oeste do DF”, explicou o diretor de urbanização da Novacap, Sérgio Lemos.

Alargamento

A nova configuração do viaduto tem 11 faixas de circulação, cinco das quais no sentido Taguatinga/Plano Piloto e quatro no sentido Plano Piloto/Taguatinga, além de duas centrais, restritas para ônibus.

As obras foram executadas por meio de uma parceria entre a Secretaria de Obras, responsável pelo alargamento das pistas, e a Novacap, que atuou no recapeamento de 5 mil metros do viaduto, onde foram aplicados 1. 590 toneladas de massa asfáltica.

 

* Com informações da Novacap