4/3/20 17:06
Atualizado em 4/3/20 às 17:38

Metrô-DF recebe Selo Social pela terceira vez

Ações socioambientais geraram 11 impactos sociais positivos nas áreas de educação, meio ambiente, economia e urbanização, alcançando 1,8 milhão de pessoas

Pelo terceiro ano consecutivo, a Companhia do Metropolitano do Distrito Federal (Metrô-DF) recebeu o Selo Social, certificação concedida a órgãos públicos, empresas privadas e organizações da sociedade civil que geram impactos sociais positivos para a comunidade. Em cerimônia no Centro Universitário de Brasília (Uniceub), foram reconhecidas 33 entidades do Distrito Federal, que apresentaram 77 projetos em 2019.

O Metrô-DF foi certificado devido ao Plano de Logística de Sustentabilidade, que, mesmo em fase de elaboração, já começou a ser implementado pelo Comitê de Sustentabilidade, que reúne representantes de todas as áreas da companhia. 

Segundo a avaliação do Conselho do Selo Social, que seleciona e monitora os projetos durante o ano, as ações socioambientais do Metrô geraram 11 impactos sociais positivos nas áreas de educação, meio ambiente, economia e urbanização, alcançando um público estimado de 1,8 milhão de pessoas. Entre as ações já implantadas, estão o projeto de compostagem e as campanhas educativas para reduzir o uso de copos descartáveis e para a destinação correta de resíduos.

As práticas socioambientais refletem o papel do Metrô-DF na sociedade, que vai além do transporte de passageiros. “Trabalhar o processo de inovação no Metrô-DF foi repensar as ações de sustentabilidade com a participação de todas as áreas da Companhia, incluindo o público interno e externo”, disse o diretor-presidente do Metrô-DF, Handerson Cabral. 

“Alinhando o crescimento empresarial à responsabilidade socioambiental, pensamos além do atendimento à legislação, criando diretrizes a curto, médio e longo prazo para uma gestão consciente. Estamos orgulhosos em receber mais uma vez essa certificação”, completou Cabral.

Integrante do Grupo de Projetos Especiais e representante do Metrô-DF em todo o processo de certificação, Juliana Albanez Marques destaca a importância do Plano: “As ações são importantes no processo de mudança de cultura e conscientização dos públicos interno e externo em prol da sustentabilidade”.

O Selo Social é concedido pelo Instituto Abaçaí Brasil, organização da sociedade civil que atua para fomentar e potencializar o desenvolvimento social e a qualidade de vida das comunidades locais, com o apoio de parceiros locais. O programa já foi implantado em São Paulo, Santa Catarina e no Distrito Federal.

* Com informações do Metrô-DF