14/3/20 11:00
Atualizado em 14/3/20 às 13:24

Programa Adasa na Escola comemora dez anos

Com foco nos estudantes da educação infantil e do ensino fundamental, atividades consistem em trabalhos de conscientização sobre a importância da água

Palestras e apresentações de vídeos fazem parte das atividades do programa, que desperta nas crianças a consciência de preservação ambiental | Foto: Divulgação / Adasa

A Agência Reguladora de Águas Energia e Saneamento Básico do Distrito Federal (Adasa) comemora o programa Adasa na Escola, que completa dez anos com reconhecimento internacional e um saldo de mais de 264 mil estudantes envolvidos nas atividades promovidas pelo projeto.

Com palestras e dinâmicas específicas, o programa conscientiza alunos da educação infantil e do ensino fundamental da rede pública e privada de ensino do DF sobre a importância do uso racional da água, do combate ao desperdício, da destinação correta dos resíduos sólidos e da preservação do meio ambiente.

O objetivo é formar agentes multiplicadores de práticas sustentáveis. Para isso, o Adasa na Escola também atua na formação de professores, que recebem uma ampla variedade de recursos didático-pedagógicos, como cartilhas, módulos de planos de aula e cadernos de exercícios, para aplicar em sala de aula. O material ainda esclarece sobre o papel da agência na gestão e regulação dos serviços públicos.

Atividades diversificadas

Entre as ações educativas executadas durante as mais de 500 visitas feitas pelo programa, estão o “escovódromo”, que simula a escovação dos dentes e mostra a quantidade de água desperdiçada durante a ação, e o jogo de tabuleiro, com perguntas e respostas sobre uso racional da água e coleta seletiva. As crianças se divertem e aprendem por meio de brincadeiras, como amarelinha educativa, pescaria ecológica e dominó, que ensinam a forma adequada de separar o lixo reciclável do orgânico.

Em seu décimo ano de criação, o programa de educação ambiental traz uma novidade às escolas: o teatro de fantoches. Os bonecos, fabricados de material reciclado, contam histórias sobre o uso consciente dos recursos hídricos e a destinação adequada dos resíduos sólidos.

Parcerias

Entre os parceiros que fortalecem as ações do programa Adasa na Escola, destacam-se as secretarias de Educação (SEE) e de Meio Ambiente (Sema), o Instituto Brasília Ambiental (Ibram), a Caesb e o Serviço de Limpeza Urbana do DF (SLU).

Juntos, esses órgãos atuam na capacitação de professores e profissionais de educação, atividades desenvolvidas por meio do curso de gestão sustentável da água e dos resíduos sólidos e do guia Trilhas e caminhos para sustentáveis nas escolas no Distrito Federal. Também há trabalhos elaborados em cooperação com a Universidade de Brasília (UnB), como os programas “Pare, Pense e Descarte” e “Agente Ambiental Mirim”.

Mascotes

Desde seu lançamento, o Adasa na Escola utiliza as figuras dos super-heróis do consumo consciente, que colaboram para a formação dos Guardiões da Água – título que os alunos recebem após fazer o juramento do guardião, com o objetivo de disseminar ações contra a poluição e o desperdício da água.

Criados em 2010, os personagens Aqua e Hidro foram os primeiros a receber essa incumbência, e estão presentes nas cartilhas distribuídas às crianças.

O segundo mascote do programa foi criado em 2012 e tem o formato de gota. Foi escolhido por meio de um concurso de desenho que envolveu crianças do ensino fundamental de escolas públicas do DF.

Outra atração é a mascote Gotita, cujo nome foi definido durante votação em escolas públicas e privadas do DF. Ela está presente em todos os eventos que contam com a participação do Adasa na Escola e em visitas às unidades de ensino.

 

* Com informações da Adasa