22/4/20 19:53
Atualizado em 22/4/20 às 20:05

Servidoras da UBS de Nova Colina produzem máscaras e doam a pacientes

Ideia dá atividade a profissionais afastadas por serem do grupo de risco e ajuda pacientes que não encontram o equipamento

| Foto: Secretaria de Saúde / Divulgação

De um lado, profissionais afastados por fazerem parte do grupo de risco para coronavírus. Do outro, pacientes precisando de máscaras de proteção. E, no meio disso, uma ideia que conseguiu resolver as duas questões: servidoras da Unidade Básica de Saúde 3, de Nova Colina (Sobradinho), uniram-se e passaram a produzir esse artigo para doação.

“Como a situação de falta de máscara como uma realidade, a cirurgiã-dentista Julia de Miranda Seabra Medeiros, que estava afastada por ser do grupo de risco, resolveu começar a fabricar. E, com isso, outros servidores foram se mobilizando. Hoje temos, exclusivas para confecção de máscaras, duas cirurgiãs-dentistas, além de outras quatro profissionais que atuam voluntariamente, quando têm tempo disponível”, conta a gerente da unidade, Milene Cristina Espagnoli Bravo.

Apenas uma das servidoras tinha habilidade com costura e ensinou aos outros que tiveram interesse. Uma média de 50 máscaras é confeccionada diariamente.

Desde que o trabalho foi iniciado, na semana passada, 300 já foram feitas e distribuídas para paciente sintomático respiratório que procura a unidade, conforme o protocolo estabelecido pela Secretaria de Saúde.

“As máscaras são confeccionadas com tripla camada e, posteriormente, esterilizadas em autoclave para fechamento dos poros”, explica Milene Bravo. O material usado na fabricação foi comprado pelos servidores.

 

* Com informações da Secretaria de Saúde