22/5/20 19:14
Atualizado em 28/5/20 às 19:48

Novo retorno no Lago Sul vai beneficiar 43 mil motoristas que trafegam na QI 17

Outra obra na QI 28 também está em fase final de construção perto da barragem do Paranoá

Os moradores do QI 17 do Lago Sul e os 43 mil motoristas que transitam diariamente pelo trecho que integra a Estrada Parque Dom Bosco (EPDB/DF-025) têm agora, à sua disposição, um novo retorno construído pelo Departamento de Estradas de Rodagem do Distrito Federal (DER-DF).

A obra começou no dia 11 de maio e foi finalizada na última terça-feira (19). O serviço na execução da intervenção viária incluiu a limpeza do local, a terraplenagem, a pavimentação propriamente dita, além da colocação de meios-fios e a execução de sinalização horizontal e vertical.

O serviço de apenas uma semana foi realizado por administração direta, ou seja, com mão de obra e recursos da autarquia.

Com a finalização do trabalho, Simone Santos, de 26 anos, moradora da QI 17, diz que com mais essa opção não vai ter que se preocupar mais com o trânsito intenso quando precisar acessar a rodovia.

“Faz oito anos que moro aqui, e desde então vejo a comunidade pedir esse retorno. E agora nós o temos. Que bom que não teremos mais o transtorno causado pelos engarrafamentos”, comemora.

“Quem mora ou trafega por esse trecho tem mais uma opção que vai aumentar a fluidez do trânsito da EPDB já que, anteriormente havia apenas uma opção de retorno”, explicou o superintendente de obras do DER-DF, Cristiano Cavalcante.

 Retorno da QI 28 está próximo da conclusão

 A expectativa é de que até a próxima quarta-feira (27) o DER finalize a obra de um segundo retorno que está em construção na altura da QI 28 do Lago Sul, já no trecho final da DF -025, próximo a barragem do Paranoá.

Os serviços neste novo acesso foram iniciados no dia 14 deste mês e já estão adiantados, faltando apenas a conclusão da colocação de meios-fios e de sinalização.

A obra vai beneficiar quem trafega no sentido Lago Sul – Paranoá e quer ir para Ermida Dom Bosco ou para o Mosteiro São Bento.

Quando finalizada esta nova conversão, haverá um alívio significativo do trânsito por onde passam cerca de 30 mil carros diariamente.

 

* Com informações DER