18/6/20 15:54
Atualizado em 18/6/20 às 16:01

Terracap revitaliza sete praças na Vila Telebrasília

Com investimento da Terracap, espaços terão calçamento recuperado, novo mobiliário urbano e plantio de espécies nativas ou adaptadas ao Cerrado

Verde e tranquilidade dão ares de cidade do interior ao bairro do Plano Piloto | Foto: Terracap / Divulgação

A Vila Telebrasília ganhará sete novas praças, aumentando ainda mais a sensação de cidade interioriana que já empresta a seus moradores. Com esse objetivo, a Agência de Desenvolvimento do Distrito Federal (Terracap) já publicou o processo licitatório para contratar uma empresa especializada para executar as obras. O aviso de abertura de licitação saiu na edição do Diário Oficial do Distrito Federal (DODF) desta terça-feira (16).

Com o investimento da Terracap, as praças terão recuperação de calçamento, novo mobiliário urbano e plantio de espécies nativas ou bem adaptadas ao Cerrado.

Tão logo a pandemia causada pelo novo coronavírus passe e as obras estejam concluídas, a população local – cerca de 3 mil habitantes, de acordo com o último levantamento da Companhia de Planejamento do Distrito Federal (Codeplan) – poderá se reunir e usufruir de praças bem equipadas. Os moradores poderão conversar em bancos de concreto; jogar xadrez em mesas dispostas nessas áreas, com adaptações para cadeirantes; sentar para ler um livro em bancos rodeados de árvores; e fazer exercícios físicos nos aparelhos de ginástica que lá serão instalados.

E, para deixar os ambientes ainda mais agradáveis, o projeto da Terracap prevê o plantio de espécies nativas como ipê roxo de bola, ipê amarelo peludo, ipê branco, quaresmeira, palmeira, carvoeiro, jatobá do cerrado, pombeiro e copaíba, entre outras.

“Com as obras, a Terracap dará tratamento paisagístico e urbanístico aos espaços públicos do bairro há anos consolidado. E, claro, atenderá às demandas da população local, que anseia por espaços de lazer e descanso”, explica o presidente da agência, Izidio Santos.

História

A Vila Telebrasília é oficialmente parte da Região Administrativa do Plano Piloto. O bairro surgiu como um acampamento para abrigar funcionários de construtoras que ergueriam a capital federal.

Datam de 1956 as primeiras instalações no local, erguido às margens da parte sul do Lago Paranoá.

 

* Com informações da Terracap