19/6/20 12:13
Atualizado em 19/6/20 às 16:22

Uma nova praça para a Galeria dos Estados

Espaço de convivência no coração da cidade ganha vida e agora oferece mais segurança e comodidade aos brasilienses

A paisagem na área central de Brasília está diferente. Localizada próxima à Estação Metrô dos setores Comercial Sul Setor Bancário Sul, a Galeria dos Estados ganhou uma praça totalmente revitalizada. Batizada de Praça dos Estados, o espaço de convivência foi entregue à população nesta sexta-feira (19). Foram investidos R$ 2,6 milhões, sendo R$ 2 milhões em serviços empregados pela Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap).

Foto: Renato Alves/Agência Brasília

A Praça dos Estados foi construída com oito mil metros quadrados de calçadas acessíveis e meios-fios, acompanhada pelo plantio de mais nove mil metros quadrados de grama, 90 arbustos, 54 palmeiras e nove ipês. Cenário bem diferente de quando parte do viaduto sob o Eixão Sul desabou em fevereiro de 2018. Agora, a Praça traz vida a um endereço tão importante para os brasilienses. 

Além do paisagismo, o local de convivência no coração de Brasília conta com bancos, pergolados e um espaço para implantação de bicicletários. Por lá também foram construídas 16 bocas de lobo para auxiliar na drenagem da região. 

“Estamos devolvendo à população a praça e essas pistas do viaduto que estavam interditadas havia dois anos; só falta a obra da Galeria. Em pouquíssimo tempo vamos entregá-la pronta. A obra (a praça) ficou realmente muito bonita”, avalia o governador Ibaneis Rocha. 

Foto: Renato Alves/Agência Brasília

Um novo sistema de iluminação pública foi instalado pela CEB, trazendo segurança para a população. Foram colocados 57 postes de aço com luminárias de LED, um poste de concreto e 16 conjuntos de projetores, também de LED. A obra, aprovada pela Secretaria de Obras e executada pela CEB, teve investimento de R$ 635 mil.

A Novacap também foi responsável por um recapeamento completo nas vias: uso, ao todo, 1.161 toneladas de massa asfáltica em uma área de 10,2 mil metros quadrados. A companhia efetuou a demolição das alças temporárias de desvio do viaduto (construídas após a queda) e a pavimentação das alças de acesso aos eixos W e L Sul, oferecendo mais comodidade para os condutores de veículos. 

O diretor-presidente da Novacap, Fernando Leite, participou da entrega do espaço e destacou a agilidade e a qualidade do serviço realizado pelos técnicos da empresa. “Do projeto à última árvore plantada é possível perceber isso. A Novacap segue orgulhosa de poder continuar realizando obras que transformam nossas cidades e melhoram a qualidade de vida de todos os brasilienses”, destaca.

“Este governo trabalhou de forma articulada para entregar uma obra tão importante, tão central e tão integrada para a cidade”, aponta a administradora do Plano Piloto, Ilka Teodoro. “Aceleramos a obra num espaço que estava perdido e agora entregamos esse espaço de convivência confortável, com iluminação em LED. É uma entrega muito bacana para Brasília”, acrescenta o secretário de Obras, Luciano Carvalho.  

Antes da breve cerimônia de inauguração, uma equipe do Sanear/DF promoveu a limpeza e higienização de toda a praça. O Sanear-DF é um programa com o objetivo de desinfectar e limpar espaços públicos de grande circulação no DF. 

Quem convive, aprova
Há 20 anos instalado na Galeria, o comerciante Luís Gonzaga de Freitas elogiou a nova praça. De dentro da sua loja de sapatos ele observa a mudança na paisagem, a qual já tinha perdido a esperança de ver melhoras. “Essa reforma ficou excelente. Aqui estava totalmente desleixado e depois da obra a Galeria ficou linda. Ficou bom para todo mundo”, avalia.

David Lean trabalha na Asa Sul e frequentemente passa pelo Setor Bancário Sul. Ele era assíduo das festas que aconteciam em um estabelecimento embaixo do viaduto e aprovou a mudança. “Aqui era muito feio, escuro, sem propósito. Agora com a praça, plantas bonitas e tudo mais claro, me sinto mais seguro para passar por aqui”, assegura David.


Memória

Foto: Agência Brasília/Arquivo

Em fevereiro de 2018, parte do viaduto sob a Galeria dos Estados desabou. A obra de recuperação do viaduto teve início em setembro do mesmo ano, mas tomou corpo e foi acelerada em janeiro de 2019 – à época estava com 24% de execução –, sendo entregue em junho do mesmo ano. As intervenções dentro da Galeria dos Estados, orçadas em R$ 5 milhões, tiveram início em fevereiro de 2019. Essa parte da obra está programada para ser entregue em julho deste ano e atualmente encontra-se 70% executada. Já a revitalização da área externa com a criação da Praça dos Estados foi determinada pelo governador Ibaneis Rocha em janeiro deste ano e entregue seis meses depois.

 

Galeria de Fotos

Inauguraçao da Galeria dos Estados.