6/5/21 21:23
Atualizado em 6/5/21 às 21:48

Novos servidores da Sedes em lotação definitiva a partir de sexta (7)

Informação foi dada durante solenidade de boas-vindas da secretaria que, em dois anos, empossou 370 profissionais concursados

A Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes) realizou nesta quinta-feira (6) a recepção oficial de 103 novos servidores públicos empossados ao longo do mês de abril. Além de promover uma solenidade de boas-vindas aos recém-empossados, o evento teve como objetivo  informar aos trabalhadores que, a partir desta sexta-feira, eles começam a receber a lotação definitiva. O objetivo é fortalecer o atendimento direto à população.

Durante a cerimônia, a secretária de Desenvolvimento Social Mayara Noronha Rocha desejou garra aos novos funcionários e reconheceu que é um trabalho difícil | Foto: Renato Rafael/Sedes

“A distribuição vai levar em consideração a classificação deles no concurso e a necessidade das regiões com maiores demandas”, explica a subsecretária de Assistência Social, Kariny Alves.

São dez novos técnicos administrativos, 24 agentes sociais e 69 especialistas em assistência social, sendo 43 assistentes sociais, 17 psicólogos, cinco nutricionistas, dois da área jurídica e dois de comunicação social. “Que vocês tenham garra para trabalhar na assistência, pois não é fácil. Tem que agir com muita responsabilidade, inteligência emocional e técnica”, reforça a secretária Mayara Noronha Rocha.

“Chegamos para somar, com novas ideias e novas energias. Estamos aqui para contribuir”, conta o agente administrativo Robson Pacheco, um dos recém-nomeados. “Nossa chegada é fundamental para o atendimento da população mais vulnerável do DF, porque a questão da vulnerabilidade socioeconômica é um dos impactos mais gritantes desta pandemia”, completa a assistente social Luiza Sousa.

Juntamente com as nomeações de 2020, já são 370 novos servidores para a Sedes em menos de um ano desde a primeira convocação. “Ressalto, com isso, o desafio de ampliar o quadro de servidores mesmo com as limitações impostas em meio a esse período tão conturbado”, destaca a secretária.

*Com informações da Sedes