17/5/21 17:36
Atualizado em 18/5/21 às 9:45

Licitação de serviços para restaurantes comunitários

Empresas selecionadas vão fornecer alimentação nas unidades de Ceilândia Centro, São Sebastião, Estrutural e Sol Nascente/Pôr do Sol

A Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes) publicou aviso de licitação para a contratação de empresas especializadas interessadas em prestar serviços de alimentação e nutrição nos restaurantes comunitários de Ceilândia Centro, São Sebastião, Estrutural e Sol Nascente/Pôr do Sol. As empresas terceirizadas vão ficar responsáveis pelo preparo, fornecimento e distribuição de alimentação (almoço e café da manhã) nutritiva e caloricamente balanceada.

Foto: Tony Oliveira/Agência Brasília
As atuais empresas que prestam serviço nos restaurantes comunitários de Ceilândia Centro, São Sebastião, Estrutural e Sol Nascente/Pôr do Sol seguem cumprindo o contrato normalmente | Foto: Tony Oliveira/Agência Brasília
“A empresa contratada já precisa vir com a expertise necessária para a produção das refeições. O papel da Sedes é orientá-la em relação ao cardápio que será servido e determinar as diretrizes para garantir uma alimentação balanceada e nutricionalmente adequada, além de fazer o acompanhamento do serviço”Mayara Noronha Rocha, secretária de Desenvolvimento Social

A data-limite para recebimento das propostas que vão concorrer no Pregão Eletrônico de SRP nº 7/21 é quinta-feira (27), até as 10h. A cópia do edital está disponível no site da Secretaria  e no endereço de compras. O edital prevê a realização de parcerias com até quatro empresas para cada um dos restaurantes. Há, ainda, a possibilidade de uma mesma empresa assumir o serviço de até três unidades. O valor total estimado para contratação nas quatro unidades é R$ 26.818.272,00.

“A empresa contratada já precisa vir com a expertise necessária para a produção das refeições. O papel da Sedes é orientá-la em relação ao cardápio que será servido e determinar as diretrizes para garantir uma alimentação balanceada e nutricionalmente adequada, além de fazer o acompanhamento do serviço”, explica a secretária de Desenvolvimento Social, Mayara Noronha Rocha.

As atuais empresas que prestam serviço nos restaurantes comunitários de Ceilândia Centro, São Sebastião, Estrutural e Sol Nascente/Pôr do Sol seguem cumprindo o contrato normalmente. Portanto, as unidades continuam funcionando durante o processo de licitação das novas parcerias.

Restaurantes comunitários

Atualmente, no Distrito Federal, funcionam 14 restaurantes comunitários, que oferecem as refeições ao custo de R$ 1 para a comunidade. Para as pessoas em situação de rua, que estão cadastradas pela equipe de Abordagem Social da Sedes, a refeição nos restaurantes está sendo fornecida gratuitamente, enquanto durar a pandemia de covid-19. Uma refeição vendida custa, em média, R$ 6,17. Assim, o Governo do Distrito Federal (GDF) complementa esse valor com R$ 5,17.