26/7/21 15:43
Atualizado em 26/7/21 às 15:53

Centros Olímpicos se preparam para a volta às aulas presenciais

Diretores das unidades esportivas passaram por capacitação nesta segunda-feira (26)

Os diretores dos 12 Centros Olímpicos e Paralímpicos (COPs) passaram, nesta segunda-feira, no auditório do Centro Integrado Sesi, no Setor Bancário Norte, por uma última capacitação antes da retomada das atividades presenciais, que deve ocorrer em breve.

O grupo foi recebido pela secretária de Esporte e Lazer, Giselle Ferreira, e aprendeu mais sobre fiscalização de parcerias, comunicação, protocolos sanitários contra a covid-19 e funcionamento administrativo, entre outros.

“Nesse período em que as atividades esportivas seguem suspensas, os servidores atuantes nos nossos COPs seguiram trabalhando bastante para oferecer um serviço com muito mais qualidade à população quando for o momento adequado. Além dos profissionais passarem por treinamentos e reciclagem de conteúdo, as unidades físicas receberam pequenas reformas e modernização tecnológica com a inclusão de rede sem fio em todos os endereços”, destaca Giselle Ferreira.

De acordo com a Subsecretaria dos Centros Olímpicos e Paralímpicos, com o lançamento de novos chamamentos públicos para seleção de entidades sem fins lucrativos, que serão responsáveis pela gestão pedagógica desses espaços, a Secretaria de Esporte e Lazer (SEL) conseguiu aumentar o número de vagas disponíveis ao mesmo tempo em que economizou nos valores de contratos. “Estamos arrumando a casa e, nesse processo, organizamos processos transparentes e que respeitassem o rito processual”, completa Giselle.

Os servidores públicos participaram também, neste ano, de um ciclo de capacitação promovido pela Escola Nacional de Administração Pública (Enap), que ofertou oito cursos sobre temas diversos relacionados às atribuições da SEL, que totalizavam 220 horas/aula. Presencialmente, os servidores estudaram mais sobre gestão e fiscalização de contratos e Marco Regulatório das Organizações da Sociedade Civil (Mrosc) e iniciativas em parceria com a Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes).

Na semana passada foi assinado o termo de colaboração com a Organização da Sociedade Civil (OSC) vencedora do chamamento público para gerir pedagogicamente as unidades esportivas de Brazlândia, Recanto das Emas e Estrutural, que se preparam para o retorno das atividades esportivas. O modelo continua gratuito com a inclusão de novas modalidades, como o futebol feminino, que será disponibilizado em todos os Centros Olímpicos e Paralímpicos.

* Com informações da Secretaria de Esporte e Lazer