16/8/21 8:50
Atualizado em 16/8/21 às 8:50

Licenciamento do BRT será discutido em evento on-line

Audiência pública será realizada nesta terça-feira, 17 de agosto

“Entendemos que, com o envolvimento da população, conseguimos viabilizar as infraestruturas necessárias, com segurança técnica, ambiental e de forma a mitigar os danos”Alisson Neves, superintendente de Licenciamento do Brasília Ambiental

O Instituto Brasília Ambiental, por meio da Superintendência de Licenciamento (Sulam), realiza na próxima terça-feira (17), uma audiência pública virtual para apresentação e discussão do Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental (EIA/Rima) para implantação do Bus Rapid Transit (BRT), no Corredor Eixo Sudoeste, composto pelas rodovias DF-001 (EPCT), trecho entre a BR-060 e a VC-331, DF-075 (EPNB) e DF-003 (Epia).

A audiência será transmitida ao vivo pelo canal do Youtube do Brasília Ambiental, das 19h às 21h45, com a exposição técnica do projeto e um espaço aberto para a participação do público. As instruções e procedimentos para acesso ao evento já estão disponíveis no site do instituto.

Essa interação com o público, esclarecendo dúvidas e apresentando sugestões, é considerada importante etapa para garantir um melhor licenciamento ambiental visando atender a comunidade em seus anseios, da melhor forma possível, e, ao mesmo tempo, buscando soluções para a redução dos impactos sobre o meio ambiente.

“Faz parte dos procedimentos do Brasília Ambiental analisar com rigor, focando em meios que levarão a uma obra sustentável, de acordo com todos os critérios legais. Entendemos que, com o envolvimento da população, conseguimos viabilizar as infraestruturas necessárias, com segurança técnica, ambiental e de forma a mitigar os danos”, defende o superintendente de Licenciamento, Alisson Neves.

Aqueles que quiserem participar, mas que não tenham acesso à internet poderão acompanhar a reunião virtual no Edifício Sede do DER/DF – Bloco C, Setores Complementares – Ed. Sede do DER/DF – Bairro SAM.

Confira aqui como fazer as contribuições e encaminhamento de perguntas por meio de formulário e também os estudos ambientais e regulamento da Audiência Pública Virtual.

 

*Com informações do Brasília Ambiental