30/8/21 16:01
Atualizado em 30/8/21 às 20:27

Bares e restaurantes desrespeitam regras sanitárias contra a covid-19

Operação Baco, do DF Legal, multou e interditou 21 estabelecimentos comerciais no último fim de semana

A Operação Baco da Secretaria DF Legal multou e interditou, neste fim de semana, 21 estabelecimentos que desrespeitaram os protocolos sanitários de combate à covid-19. As ações são uma resposta àqueles comerciantes que, mesmo diante dos decretos e advertências, continuam causando aglomerações, com a realização de shows, festas e eventos proibidos no Distrito Federal.

Ao todo, foram 14.337 vistorias a estabelecimentos comerciais, em especial bares e restaurantes, e 668 abordagens. A prioridade da ação foram aqueles considerados campeões de denúncias e reclamações. A DF Legal criou uma lista com cerca de 20 deles.

“Em virtude das inúmeras denúncias apresentadas e veiculadas até mesmo nos órgãos de imprensa, foi necessário intensificar a fiscalização nos estabelecimentos”, esclareceu o subsecretário de Atividades Econômicas Francinaldo Oliveira.

De acordo com o subsecretário, “houve a interdição de vários deles e a aplicação de multas que podem chegar a R$ 20 mil e dobrar, em caso de reincidência. Alguns desrespeitaram a ordem de interdição. Os responsáveis podem, além de receber a infração em dobro, ser conduzidos à delegacia por desobediência.”

Para ampliar a efetividade das ações, além das 11 equipes que atuam diuturnamente, a secretaria e demais órgãos da força tarefa do GDF passaram a usar fiscais descaracterizados.

“Pedimos para o segmento de bares e restaurantes que nos ajude e colabore para que as ações de combate à circulação do vírus tenham efetividade. O GDF não busca prejudicar nenhum tipo de segmento. Tanto é que nosso governador Ibaneis Rocha flexibilizou algumas atividades. Porém, esses eventos devem ser realizados sem colocar em risco a saúde da população”, conclui Francinaldo Oliveira.

O público também pode ajudar. Caso veja algum estabelecimento comercial promovendo aglomeração ou desrespeitando os protocolos sanitários, como permitir a circulação de pessoas sem máscara ou realizando algum tipo de dança, o cidadão pode denunciar pelo 162 ou pelo 190. Ou ainda no site da Ouvidoria do Distrito Federal.

* Com informações da Secretaria DF Legal