Fale com o Governo Ações em Destaques

27/10/22 às 11:46

Turma de 30 brigadistas florestais conclui curso de educação ambiental

Além do conteúdo teórico, o evento proporcionou interação e troca de experiências aos profissionais

Agência Brasília* I Edição: Débora Cronemberger

Trinta brigadistas florestais do Instituto Brasília Ambiental participaram, nesta semana, de um curso sobre educação ambiental. Realizada pela Unidade de Educação Ambiental (Educ) da autarquia, a formação teve início na segunda-feira (24) e foi encerrada nesta quinta (27), na sede da autarquia. Também houve atividades desenvolvidas no entorno da Estação Ecológica de Águas Emendadas (Esecae), em Planaltina.

Brigadistas florestais participaram de aulas teóricas e atividades práticas, incluindo visita a escolas e distribuição de material educativo para conscientização sobre o meio ambiente | Foto: Divulgação/Brasília Ambiental

Os brigadistas puderam conhecer mais sobre a criação e os desafios do Programa de Prevenção e Combate a Incêndios Florestais (Ppcif), a importância das unidades de conservação e os desafios da gestão, a ecologia e o fogo no bioma cerrado, o programa Eu Amo Cerrado, além de receberem informações sobre bichos e plantas do cerrado, entre outros assuntos.

A atividade prática não ficou fora. O grupo foi dividido em equipes de cinco brigadistas que visitaram escolas e chacareiros vizinhos à Estação Ecológica de Águas Emendadas (Esecae) e ao Parque Distrital dos Pequizeiros, ambos na Região Administrativa de Planaltina, onde foi distribuído material educativo para as crianças.

Para a brigadista Cláudia Oliveira Faria, o curso foi bem-organizado e produtivo e trouxe um aprofundamento teórico sobre o que esses profissionais veem e trabalham todos os dias em campo. “Essencial para nós, pois trabalhamos diretamente com pessoas e animais. Por isso, essa experiência de sala de aula é muito importante; precisamos conhecer não só a prática, mas também a teoria”, disse.

Já para o chefe de brigada Eder Ademar, o evento deu a oportunidade de interação com colegas de outras brigadas, aumentando também o conhecimento da prática. “Bastante produtivo. Além do conteúdo, tivemos a oportunidade de trocar experiências com outras brigadas sobre o nosso trabalho”, comentou.

“O curso de Educação Ambiental para Brigadistas Florestais teve sua importância para nossa brigada, pois, além da transmissão de conhecimentos sobre as questões ambientais, despertou em cada guerreiro do fogo o valor e a responsabilidade na missão de propagar novos hábitos que permitam uma convivência ambientalmente responsável e harmoniosa entre as unidades de conservação geridas por nosso Brasília Ambiental e as comunidades lindeiras a essas unidades”, comemorou o técnico de planejamento urbano e infraestrutura Érisom Vieira Cassimiro, lotado na Ppcif.

*Com informações do Instituto Brasília Ambiental

 

Últimas Notícias