10/10/15 15:06
Atualizado em 10/10/15 às 15:06

Agentes penitenciários voltam ao trabalho

Após determinação judicial, sindicato comunica suspensão imediata de greve

Por determinação do Sindicato dos Agentes Penitenciários do Distrito Federal, a greve da categoria foi suspensa ainda na noite dessa sexta-feira (9), logo após decisão judicial que decretou a ilegalidade do movimento. Com isso, não foi afetada a saída temporária de presos — o chamado saidão — para o feriado prolongado do Dia da Criança.

De acordo com a Secretaria de Justiça e Cidadania, cerca de 1,2 mil detentos foram liberados na manhã de ontem. Eles precisam estar de volta na terça-feira (13), até as 10 horas. Presos que fazem trabalho externo poderão voltar ao fim do expediente.

O direito ao saidão é concedido a quem cumpre pena em regime semiaberto e que tenha sido beneficiado cumulativa ou isoladamente com autorização para saídas temporárias, trabalho externo ou saídas quinzenais.

Leia também:

Justiça decide pela ilegalidade da greve de agentes penitenciários