7/12/15 11:15
Atualizado em 7/12/15 às 11:15

Artistas poderão se apresentar em estações de metrô gratuitamente

Empresa divulga nesta segunda (7) regras para participar de projeto cultural. Propostas devem ser enviadas por e-mail


. Ilustração: Ico Oliveira/Agência Brasília

A Companhia do Metropolitano do DF (Metrô-DF) receberá propostas para apresentações artísticas nas estações do sistema de transporte a partir desta segunda-feira (7). O projeto Cultura no Metrô permitirá que artistas locais ocupem gratuitamente áreas específicas dentro dos ambientes de circulação de passageiros. Pessoas físicas ou jurídicas interessadas devem enviar proposta escrita para a empresa do dia 15 ao dia 20 do mês anterior ao da apresentação e aguardar a avaliação da Assessoria de Comunicação Social, responsável pela aprovação ou recusa.

Serão aceitas apresentações musicais, teatrais e de dança, e mostras de artes visuais — com até dez dias de duração —, entre outros tipos de manifestações artísticas. Aquelas que tenham conteúdos ofensivo, antiético ou que denotem qualquer tipo de discriminação serão rejeitadas. Quem quiser se apresentar periodicamente terá de entregar planejamento de no máximo três eventos por semana, com duração de até três horas.

As propostas devem ser enviadas para o e-mail ccs.metrodf@gmail.com. Servidores analisarão se elas estão adequadas ao espaço físico disponível. Plataformas de embarque e de desembarque e trens não poderão ser utilizados. Serão considerados critérios a segurança e a plena operação do sistema de transporte, além do interesse público e da qualidade técnica, artística e poética. O artista fica responsável pelo pagamento de tributos, taxas e encargos que incidirem sobre a atividade.

Expressao Cultural Metro AgenciaBrasilia

Exigências
No caso de exposições, as estruturas de sustentação das peças precisam ser em alumínio, madeira ou outro material resistente — e deverão ser posicionadas de modo que não atrapalhem a visualização de painéis informativos do sistema de transporte. A escolha dos espaços culturais será definida e alterada considerando-se as necessidades do Metrô-DF. Não será permitido usar vidros nem afixar material com parafuso, pregos ou fitas em paredes, pilastras e no piso.

Nem todos os locais de exposição ou de apresentação cultural terão pontos de eletricidade disponíveis o suficiente. Por isso, há a necessidade de incluir um projeto elétrico na proposta artística.

Para as atrações com som, o limite de altura é de 90 decibéis, de forma que não prejudique a operação do sistema, em especial as mensagens sonoras de segurança e os informativos. Os artistas devem ter o cuidado de prender com fita toda a fiação e, assim, garantir a segurança dos passageiros. Não será permitido vender produtos dentro das estações durante as apresentações, mas as doações espontâneas podem ser aceitas.

O Metrô-DF não se responsabiliza por furtos ou danos às peças ou aos equipamentos. A pessoa que fizer a proposta pode contratar por conta própria uma equipe de segurança 24 horas. Os agentes precisam estar uniformizados e desarmados.

Divulgação
A agenda do Cultura no Metrô será divulgada mensalmente na TV Minuto (canal de comunicação dentro dos trens), no site do Metrô-DF e no perfil da companhia no Facebook.

Acesse a íntegra das regras para apresentações culturais nas estações.