8/2/16 16:23
Atualizado em 8/2/16 às 16:23

1,2 mil garis garantem a limpeza dos locais de festa nesta segunda (8)

Eles estão divididos em três equipes, uma para cada turno. No fim de semana de carnaval, quase 59,6 toneladas de lixo foram recolhidas

O Serviço de Limpeza Urbana (SLU) atuará com 1,2 mil garis nesta segunda-feira (8) de carnaval. Os profissionais foram divididos em três equipes, cada uma para um turno. A primeira recolheu, durante a manhã, resíduos ainda dos eventos de ontem. As outras duas entram em ação com o início dos blocos de rua previstos para hoje e, assim que os eventos terminam, intensificam as atividades.

Durante o domingo (7), foram retiradas 27,8 toneladas de lixo de 20 blocos de carnaval espalhados por Brasília. No dia anterior, o número foi de 31,8 toneladas.

Após o término do carnaval deste ano, o SLU dará um certificado aos grupos que mais se empenharem em manter os locais de festa livres de sujeira. A iniciativa faz parte da campanha Bloco Brasília Limpa.

Entre os requisitos avaliados estão a autogestão dos resíduos (quando o bloco faz a limpeza por conta própria e dispensa o trabalho da autarquia), a divulgação de mensagens educativas sobre o descarte apropriado e a colocação de lixeiras no local do evento. Além disso, as equipes da autarquia entregam sacos aos ambulantes para que eles separem o lixo.

Fiscalização
A Agência de Fiscalização do Distrito Federal (Agefis) destinou cerca de 80 fiscais para atuarem nos eventos carnavalescos de hoje. Como nos outros dias, o trabalho desses profissionais começou às 7 horas. Eles são responsáveis, por exemplo, por fiscalizar a venda de ambulantes.

No domingo, a agência não registrou qualquer fato passível de punição. Setenta e nove fiscais foram distribuídos em turnos diferenciado nos blocos de Ceilândia e do Plano Piloto.

Leia também:

SLU recolhe quase 32 toneladas de lixo no sábado de carnaval

SLU vai reconhecer blocos de carnaval mais limpos