Fale com o Governo Ações em Destaques

4/7/18 às 18:36, Atualizado em 4/7/18 às 19:00

Conselho de Transparência e Controle Social do DF define nova presidência

Eleição do presidente e do vice foi nesta quarta (4). Hoje também, tomaram posse 28 representantes da sociedade

Cibele Moreira, da Agência Brasília

Esta é a quarta gestão do conselho composta inteiramente por membros da sociedade civil, e não a terceira, como informado anteriormente.

O Conselho de Transparência e Controle Social do Distrito Federal definiu nesta quarta-feira (4) os representantes para a gestão de 2018. Os 28 membros, de 14 entidades civis, tomaram posse hoje.

Ao centro, o presidente eleito do Conselho de Transparência e Controle Social do Distrito Federal, Hélio Queiroz da Silva, e a vice-presidente, Ana Paula Barbalho
Ao centro, o presidente eleito do Conselho de Transparência e Controle Social do Distrito Federal, Hélio Queiroz da Silva, e a vice-presidente, Ana Paula Barbalho. Foto: Renato Araújo/Agência Brasília

Durante a reunião, no Anexo do Palácio do Buriti, o colegiado também elegeu o corpo dirigente para esta gestão. Hélio Queiroz da Silva, da Federação do Comércio do DF (Fecomércio), assumiu a presidência. Como vice, foi escolhida Ana Paula Barbalho, do DF em Movimento.

Parte da Controladoria-Geral do Distrito Federal, o conselho tem como função acompanhar as medidas de transparência do governo de Brasília e deliberar sobre elas. Além disso, deve ser consultado a esse respeito.

Ele pode ser composto por até 17 entidades civis, que indicam um titular e um suplente. A gestão de 2018 é a quarta composta inteiramente por membros da sociedade civil.

Para o controlador-geral do Distrito Federal, Lúcio Pinho, o grupo é fundamental para a transparência e o controle da administração pública. “Ele encaminha demandas que o governo tem procurado resolver com muita seriedade e estimula a cidadania com a participação da sociedade nas discussões de temas importantes”, pontua.

Os membros do conselho têm mandado de um ano, renovável de acordo com a indicação dos representantes de cada entidade.

Edição: Raquel Flores

Últimas Notícias