5/4/19 15:00
Atualizado em 12/7/19 às 16:18

Família, amor e um dia mais suave no canteiro de obras

Funcionários da obra de revitalização do viaduto da Galeria dos Estados receberam a visita do grupo Mulheres do Brasil e conversaram sobre família e amor

Os funcionários assistiram a uma palestra do psicólogo Felipe Burle, durante uma ação realizada em parceria com o grupo Mulheres do Brasil /Foto: Divulgação/Secretaria de Obras e Infraestrutura

Os cerca de 170 funcionários que trabalham nas obras de revitalização do viaduto da Galeria dos Estados, no Eixo Rodoviário, tiveram um almoço diferente nesta sexta-feira (5). Durante alguns minutos, os trabalhadores, todos do sexo masculino, tiveram a oportunidade de conversar com o psicólogo social e do trabalho Felipe Burle sobre o tema Amor e família, que destacou: “É uma oportunidade de refletir sobre o comportamento de cada um com a família. É essencial a harmonia familiar para o bem-estar da pessoa e, até mesmo, para uma execução eficaz dos serviços”.

A iniciativa Estamos em Obras Trabalhando a Família faz parte de uma parceria da Secretaria de Obras e Infraestrutura com o grupo Mulheres do Brasil, que atua voluntariamente com o objetivo de ampliar a inclusão social entre homens, mulheres e crianças, visando ao fortalecimento familiar.

“Esse é o primeiro canteiro de obras públicas que visitamos”, conta uma das coordenadoras da iniciativa, Tatiane Araújo. “Queremos criar multiplicadores dessa mensagem e impactar positivamente na harmonia do lar do cidadão brasiliense”.

Além da conversa com o psicólogo, o encontro contou com depoimentos de mulheres voluntárias e dos próprios funcionários da obra. Alírio de Carvalho, servidor da empresa contratada para executar as obas do viaduto, relatou: “Eu era agressivo e bebia muito, e minha esposa, sempre calma e muito espirituosa na hora de falar e se manifestar comigo. Amor é se livrar de todas as amarras e se dispor a amar alguém. Hoje, um abraço dela deixa o meu dia mais suave”.

A ideia da secretaria é avançar na parceria e realizar encontros em outros canteiros de obras públicas. “O resultado foi muito positivo”, avalia o secretário-adjunto de Obras do GDF, Luciano Carvalho. “Esse tipo de reflexão é essencial para todos e impacta em toda a sociedade, afinal estamos falando de família.”

* Com informações da Secretaria de Obras