27/9/19 12:45
Atualizado em 27/9/19 às 12:45

Sábado (28) é dia de adoção na Zoonoses

Pessoas interessadas em adotar um animal devem assinar um termo de posse por meio do qual se comprometem a cuidar bem do tutelado

Quer adotar um filhote de gato ou de cachorro? Tenha em mãos uma confortável caixa de transporte (e, no caso do cãozinho, também uma coleira) e vá à Gerência de Vigilância de Zoonoses, onde, das 9h às 13h deste sábado (28), haverá uma feira de adoção de animais.

Fotos: Breno Esaki / SES

O interessado em adotar um ou mais exemplares precisa ter mais de 18 anos de idade e assinar um documento de posse comprometendo-se a cuidar bem do tutelado, realizar exames anuais, aplicar as vacinas necessárias a administrar vermífugo. Também é importante se comprometer a alimentá-los bem e a oferecer cuidado e carinho.

Funcionários da Zoonoses, órgão da Secretaria de Saúde (SEE), lembram que cada animal tem uma origem diferente. Alguns estavam em situação de rua, enquanto outros foram capturados em vias públicas, em terrenos particulares ou áreas públicas, como escolas e hospitais.

Cada animal colocado em adoção é previamente avaliado para se descartar a existência de raiva e de leishmaniose. Os profissionais da gerência coletam animais doentes que possam infectar seres humanos ou ofereçam risco à saúde coletiva, como cachorros que invadem casas e áreas públicas. As ações são voltadas à vigilância, prevenção e profilaxia, vem como ao controle e monitoramento de doenças e agravos em saúde pública.

 

Feira de adoção de cães e gatos
Data: Sábado (28), das 9h às 13h, na Gerência de Vigilância de Zoonoses – SHCNW 4, ao lado do Hospital da Criança, no Setor Noroeste

* Com informações da SES