18/5/20 20:31
Atualizado em 18/5/20 às 20:31

Assistência odontológica é intensificada em pacientes de UTI

Serviço é indispensável para diminuir pneumonias associadas à ventilação mecânica

Apesar da pandemia do novo coronavírus, o serviço de Odontologia da Secretaria de Saúde continua funcionando normalmente e os pacientes que precisam do atendimento com mais urgência são assistidos pelas equipes odontológicas.

Com a ajuda da equipe multiprofissional das Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) são realizados procedimentos odontológicos em pacientes entubados e assim é possível diminuir as pneumonias associadas à ventilação mecânica (PAVs).

Segundo a Referência Técnica Distrital em Saúde Bucal da Secretaria de Saúde, Alessandra Fernandes de Castro, nas UTIs do Hospital Regional de Samambaia (HRSam) apenas um caso foi registrado em abril, graças ao trabalho da equipe multiprofissional composta por médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, fonoaudiólogas, farmacêuticos, nutricionistas, técnicos e a Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH).

“Devido à ventilação mecânica, pacientes sob intubação traqueal ou traqueostomia têm o risco de desenvolver pneumonia devido à proliferação de bactérias da cavidade bucal. Por esse motivo, os cuidados odontológicos aos pacientes internados nas UTIs da rede foi intensificado durante a pandemia da Covid-19 visando minimizar o risco de infecções secundárias”, explica Alessandra Fernandes de Castro.Entre os trabalhos realizados nas UTIs, são feitos tratamento de possíveis locais que possam acumular fungos ou bactérias, limpeza e extrações. “Nosso objetivo é dar condições para que os pacientes recebam alta logo, por meio da assistência odontológica, sem desenvolver uma infecção secundária”, afirma Alessandra.

*Com informações da Secretaria de Saúde