23/5/20 20:28
Atualizado em 23/5/20 às 20:28

Criado Comitê de Monitoramento à Saúde dos Servidores

Objetivo é acompanhar ações e implementar estratégias focadas na segurança dos profissionais que atuam no combate à Covid-19

Com foco em uma categoria que, pela atuação na linha de frente de combate ao coronavírus, se encontra exposta a riscos, a Secretaria de Saúde (SES) lançou o Comitê de Monitoramento à Saúde dos Servidores no Enfrentamento da Covid-19. A instituição do grupo de trabalho foi publicada na edição de sexta-feira (22) do Diário Oficial do Distrito Federal (DODF). O objetivo é normatizar, monitorar e direcionar a implementação de estratégias que visem à integração de ações de prevenção, atenção e vigilância à saúde desses profissionais.

“A ideia é oferecer um suporte, um apoio às regiões de saúde, às unidades de referência distrital”, resume a subsecretária de Gestão de Pessoas da SES, Silene Almeida. “Precisamos cuidar dos nossos servidores que estão na linha de frente, porque eles são essenciais nesse momento de pandemia.”

A testagem massiva dos servidores, informa a subsecretária, tem possibilitado identificar os casos positivos de Covid-19, proporcionando condições de proteger o profissional e cuidar dele na fase inicial da doença, para evitar que o vírus seja transmitido aos outros colegas, já que a grande maioria é assintomática.

Segundo Silene, o comitê vai integrar o Núcleo de Medicina do Trabalho (NMT) local, que monitora a saúde ocupacional do trabalhador, com controle de infecção hospitalar, e a Gerência de Enfermagem – área a concentrar os profissionais que mais se contaminam. “Precisamos integrar os serviços para ter resultados melhores”, ressalta.

Atribuições do comitê

  • Elaborar o plano de trabalho em nível central com as orientações e diretrizes a serem desenvolvidas nos níveis locais.
  • Acompanhar a execução das atividades e metas previstas no plano de trabalho.
  • Monitorar a existência e disponibilidade de equipamentos de proteção individual (EPIs) na rede.
  • Coordenar as ações de apoio científico e de desenvolvimento estratégico voltadas à capacitação dos servidores para contenção da disseminação da Covid-19 entre os profissionais de saúde.
  • Apresentar semanalmente ao Centro de Operações de Emergência em Saúde Pública (COE Covid-19) o consolidado dos relatórios enviados pelos comitês locais.
  • Monitorar o quantitativo de profissionais acometidos pela Covid-1.
  • Fomentar a criação dos comitês locais e realizar visitas in loco às unidades de saúde da rede.

* Com informações da SES