10/2/21 17:42
Atualizado em 18/2/21 às 10:56

Vacinados os primeiros pacientes cadastrados pelo Telecovid

Equipes da Secretaria de Saúde estão indo às residências de idosos ou acamados para aplicar a vacina contra Covid-19

Osmila Duarte, de 80 anos, moradora do Guará: dificuldades de locomoção / Foto: Breno Esaki / Agência Saúde

Começou nesta quarta-feira (10) a vacinação contra Covid-19 para os idosos que agendaram o serviço pelo Telecovid. A marcação é disponibilizada pelos telefones 190, 193 e 199 para pessoas com 79 anos ou mais e pacientes de home care privado. Já foram cadastradas 1.402 pessoas para receber a vacina em casa.

A aplicação das doses começou pela Região de Saúde Centro-Sul. No último dia 3, a aposentada Luzia Pessoa Costa, de 77 anos, ligou ao Telecovid para agendar a vacinação para o esposo, Manoel Ananias Costa, de 83 anos, com quem é casada há 52 anos. Ele sofre de demência e cegueira e possui muita dificuldade de locomoção. O casal vive no Guará II.

“Eu fui atendida rapidamente quando liguei e gostei muito do atendimento, tanto telefônico quanto agora, na hora de vacinar meu esposo”, relata Luzia. “Ele quase não anda. Mesmo que chamasse um táxi, não conseguiria levá-lo para vacinar porque ele cai para frente, é muito alto e pesado. Só tenho a agradecer à Secretaria de Saúde pelo serviço disponibilizado”, pontua.

Facilidade

Outra idosa cadastrada pelo Telecovid, Osmila Duarte, de 80 anos, moradora do Guará, também foi vacinada nesta quarta-feira em sua casa. Ela tem diversas dificuldades de locomoção e, por isso, sua irmã ligou ao Telecovid e agendou a vacina. Cuidadora da idosa, Maria Zilda Andrade ficou muito feliz e satisfeita com o atendimento.

“Ainda bem que vieram aplicar a vacina aqui, porque é muito difícil sair com ela. Isso facilita bastante, sem contar que é um trabalho mais prático. Além de ser mais seguro, pois evitamos expor os idosos”, avalia.

Guerra

Manoel Ananias Costa, 83 anos: fragilidades para sair de casa / Foto: Breno Esaki / Agência Saúde

A vacinação foi realizada pelas enfermeiras Andreia Brasil e Maria da Guia Almeida, servidoras do Hospital Regional do Guará. Na avaliação delas, participar deste momento histórico é ter no coração a gratidão de estar vivo.

“Fomos os guerreiros de uma guerra onde o inimigo invisível ceifou tantas vidas queridas e amadas, levando dor e sofrimento. Hoje trazemos conosco, o remédio e a cura. Tenho orgulho de há mais de 23 anos servir à população do DF como enfermeira, trabalhando exclusivamente e unicamente na Secretaria de Saúde”, afirma Andreia.

Telecovid

Em operação desde o dia 2 de fevereiro, o Telecovid está encaminhando os cadastramentos para  as sete regiões de saúde, que agendam as visitas de vacinação. As equipes entram em contato com as famílias para viabilizar o agendamento.

A região que teve maior número de cadastros para a vacina contra Covid-19 em casa foi a Central, com 555 pacientes, seguida pela região Sudoeste, com 305; Centro-Sul, 165; Norte, 126; Oeste 113; Sul, 85; e Leste com 53 pacientes.

*Com informações da Secretaria de Saúde

Galeria de Fotos

Saúde vacina primeiras pessoas agendadas via Telecovid