4/8/21 19:08
Atualizado em 4/8/21 às 19:39

Cinco dias de trabalho e 500 toneladas de lixo fora das ruas

Equipes visitaram 30 quadras do Paranoá. Cerca de 100 bocas de lobo também foram limpas

Cerca de 500 toneladas de entulhos e inservíveis a menos nas ruas do Paranoá. Esse foi o resultado de cinco dias de trabalho do GDF Presente em parceria com a administração regional. Trinta quadras da cidade tiveram suas ruas limpas pelas equipes, que se dividiram entre conjuntos pares e ímpares.

Cerca de 100 bueiros foram limpos e higienizados pelos reeducandos que fizeram a manutenção das bocas de lobo   Fotos: Divulgação GDF Presente

Restos de construção, lixo verde (galhos e folhagens) e inservíveis foram os materiais mais encontrados pelos operários. Uma área de transbordo irregular às margens da DF-001 também segue sendo usada pelas pessoas para depositar os entulhos, segundo a administração. Seis caminhões truck foram usados para dar conta do serviço.

“Foi uma operação para deixar a cidade limpa. Na quadra 18, era tanto resto de construção que parecia que derrubaram uma casa inteira”, revela o gerente de Manutenção e Conservação da Administração Regional do Paranoá, Gerson Valença. Seis reeducandos do Projeto ‘Mãos Dadas’ da Secretaria de Administração Penitenciária (Seape) auxiliaram na limpeza da área.


Já no Condomínio Paranoá Parque, um dos maiores da Região Administrativa (RA), os reeducandos fizeram manutenção de bocas de lobo. Cerca de 100 bueiros foram limpos e higienizados pelos trabalhadores. Eles também capinaram calçadas da região central, onde moradores fazem suas caminhadas.

Estradas de terra recuperadas

A área rural do Paranoá foi atendida pelo Polo Leste do programa GDF Presente. Cerca de 4 km de vias não-pavimentadas da comunidade do Boqueirão foram recuperadas. “Esses serviços, como a limpeza do lixo e a patrolagem das estradas de terra, vão beneficiar cerca de 70 mil pessoas que moram na RA”, estima o coordenador do polo , Júnior Carvalho.

No Itapoã, um caminhão-pipa molhou a Rua da Anatel, na Quadra 318, e as ruas da 203, do Del Lago, vias igualmente não asfaltadas.

Galeria de Fotos

Cinco dias de trabalho e 500 toneladas de lixo fora das ruas