Fale com o Governo Ações em Destaques

11/3/22 às 19:28

Riacho Fundo recebe edição especial da operação Quinto Mandamento

Objetivo da ação é a redução dos crimes contra a vida. Em 2021, a operação realizou mais de 13 mil abordagens policiais na maior parte das regiões administrativas do DF

Agência Brasília* | Edição: Rosualdo Rodrigues

O Distrito Federal tem sido destaque nacional na redução de homicídios nos últimos três anos. Nos primeiros dois meses de 2022, essa natureza criminal já apresenta redução. No primeiro bimestre, a redução chegou a 33,3%. O mês de fevereiro é o menos letal em 23 anos.

Os números resultam de uma série de ações previstas pelo programa DF Mais Seguro, sendo a Operação Quinto Mandamento uma das principais formas de chegar até esse resultado exitoso. Em 2021, a operação realizou mais de 13 mil abordagens policiais na maior parte das regiões administrativas do DF.

“A redução dos crimes contra a vida é um dos pontos fundamentais do DF Mais Seguro e a operação Quinto Mandamento tem papel fundamental nesse processo”, destaca o secretário de Segurança Pública, delegado Júlio Danilo

Criada em julho de 2020, a Quinto Mandamento tem como foco a redução dos crimes contra a vida e ocorre todo fim de semana, sempre de sexta-feira a domingo, em diferentes RAs. Nesta sexta-feira (11), houve uma edição especial no Riacho Fundo, beneficiando também Vicente Pires.

De forma integrada e sob a coordenação da Secretaria de Segurança Pública (SSP), a ação reúne as polícias Militar (PMDF) e Civil (PCDF), Departamento de Trânsito (Detran-DF), Corpo de Bombeiros Militar (CBMDF), Secretaria DF Legal e Departamento de Estradas de Rodagem do DF (DER-DF).

Quando necessário, a ação conta com o apoio operacional de forças de segurança federais, como as polícias Rodoviária Federal (PRF) e Federal (PF), e, ainda, de outros estados, a exemplo da Secretaria de Segurança de Goiás. O Instituto Brasília Ambiental, as secretarias de Agricultura e de Administração Penitenciária e Defesa Civil também já atuaram na ação.

De forma integrada e sob coordenação da Secretaria de Segurança Pública, a ação reúne as polícias Militar e Civil, Detran-DF, Corpo de Bombeiros Militar, DF Legal e DER-DF | Foto: Divulgação/SSP-DF

Samambaia, Ceilândia, Sol Nascente/Pôr do Sol, Taguatinga, Gama, Recanto das Emas, Sobradinho, São Sebastião, Itapoã, Varjão, Arniqueira, Brazlândia, Estrutural, Santa Maria, Paranoá, Planaltina, Brasília, Fercal, Brazlândia, Sudoeste, Núcleo Bandeirante, Candangolândia, Metropolitana, Guará, Vicente Pires, SIA, Águas Claras (incluindo Areal/ADE) e Sobradinho II já foram contempladas com as ações integradas.

“A redução dos crimes contra a vida é um dos pontos fundamentais do DF Mais Seguro e a operação Quinto Mandamento tem papel fundamental nesse processo”, destaca o secretário de Segurança Pública, delegado Júlio Danilo. “São ações realizadas de forma integrada, o que permite a otimização de recursos operacionais e humanos. Atuamos com base em análise de dados e inteligência. As reduções criminais alcançadas mostram a importância e eficiência da operação”.

“É a integração dos órgãos participantes da Quinto Mandamento que promove o maior alcance para coibir irregularidades”, afirma o secretário do DF Legal, Cristiano Mangueira

Operação contínua

Levantamentos das subsecretarias de Inteligência (SI) e de Gestão da Informação (SGI), da SSP, subsidiam a definição dos locais e horários de realização da operação. Os órgãos integrantes também contribuem com informações. A coordenação fica por conta da Subsecretaria de Operações Integradas (Sopi), também da SSP.

“Sistematicamente, avaliamos os resultados da operação também de forma conjunta. As análises nos permitem atuar pontualmente em cada região, sendo possível, assim, alcançar resultados cada vez melhores”, enfatiza Danilo. “Ou seja, desde o início da Quinto Mandamento, adaptamos nossa forma de atuação, com o comprometimento de todos os envolvidos e o apoio incondicional do governador Ibaneis Rocha”, reforça.

Resultados

Entre janeiro e dezembro de 2021, o total de servidores empregados na ação chegou a 8.418 servidores e 2.881 viaturas utilizadas. De forma conjunta, a PMDF e a PCDF abordaram 13.586 pessoas. Os policiais também checaram 2.371 veículos. Em janeiro de 2022, 1.125 pessoas foram abordadas e 491 carros verificados. Os dados de fevereiro estão sendo compilados.

Criada em julho de 2020, a Quinto Mandamento tem como foco a redução dos crimes contra a vida e ocorre todo fim de semana, sempre de sexta-feira a domingo, em diferentes RAs

“Durante as abordagens, é feita a verificação de documentos, como carteira de habilitação e registro do veículo. Os policiais atestam, ainda, se há mandado de prisão em aberto, trabalho essencial para retirar das ruas indivíduos com algum envolvimento”, explica o secretário executivo de Segurança Pública, Milton Neves.

As abordagens têm caráter preventivo, como afirma o subsecretário de Operações Integradas, coronel Fábio Augusto. “É importante ressaltar que as abordagens são parte da rotina policial. A partir dessa ação, são feitas apreensões de armas e drogas, que estão diretamente ligadas à prevenção de homicídios. Também ocorre a recuperação de veículos, celulares e outros itens furtados ou roubados. Ou seja, o objetivo das abordagens é resguardar a própria população”, completa.

Em 2021, o CBMDF realizou 1.148 orientações sobre sistemas de segurança contra incêndio e pânico como parte das ações da operação integrada Quinto Mandamento

O comandante-geral do CBMDF, coronel Rogério Dutra, afirma que a integração das forças de segurança na operação tem permitido à corporação participar efetivamente da melhoria da qualidade de vida da população do DF. “Durante as ações, é possível atuar na prevenção de acidentes, realizar vistorias e atendimentos emergenciais, quando necessários. Além disso, é uma oportunidade de nos aproximarmos da população”.

Em 2021, o CBMDF realizou 1.148 orientações sobre sistemas de segurança contra incêndio e pânico como parte das ações da operação integrada Quinto Mandamento. Em janeiro deste ano foram 76 atuações dos militares.

Com apoio do DER e órgãos de trânsito, o Detran-DF abordou 2.243 veículos durante 2021. Foram identificadas 1.142 infrações diversas. No período, 197 carros foram removidos ao depósito por apresentarem inconsistências. Os inabilitados chegaram a 208.  Em janeiro, os agentes realizaram 199 abordagens, que resultaram na identificação de 200 infrações.

DF Legal

O DF Legal fiscalizou 3.827 estabelecimentos, dos quais 168 foram notificados e 104 deles multados. Somente em janeiro, foram 404 locais vistoriados, que resultou na notificação de seis deles e na interdição de outros seis.

O secretário do DF Legal, Cristiano Mangueira, ressalta que o combate à criminalidade e as ações de preservação da ordem social e urbana funcionam de forma paralela.

“De forma geral, a Quinto Mandamento tem como foco o bem-estar da população, seja vistoriando bares e restaurantes que transgridem a legislação ou pela fiscalização da poluição sonora. Ou seja, é a integração dos órgãos participantes da ação que promove o maior alcance para coibir irregularidades”, finaliza.

*Com informações da Secretaria de Segurança Pública do DF

Últimas Notícias