Fale com o Governo Ações em Destaques

5/10/22 às 10:53, Atualizado em 5/10/22 às 12:27

Atento ao período de chuvas, GDF reforça ações de limpeza das cidades

Reunião da Segov com outros órgãos do governo discutiu lista de trabalhos essenciais para diminuir o risco de problemas como entupimentos e alagamentos

Agência Brasília* I Edição: Débora Cronemberger

Nas últimas semanas, todas as bocas de lobo das asas Sul e Norte foram limpas. O GDF Presente e a Companhia Urbanizadora da Nova Capital do Brasil (Novacap) estão trabalhando em todas as regiões administrativas do Distrito Federal, focando a prevenção de entupimentos e alagamentos comuns no período chuvoso que se aproxima.

A limpeza de bueiros está na lista de ações essenciais para a manutenção e conservação das cidades, assunto tratado em reunião realizada pela Secretaria de Governo (Segov) nesta terça-feira (4) com outros órgãos do GDF. O tema foi o trabalho de zeladoria que deve ser reforçado na estação das chuvas.

Segov reuniu, nesta terça-feira (4), representantes de outros órgãos do GDF para o planejamento de ações de zeladoria nas regiões administrativas | Fotos: Divulgação/Segov

De acordo com o secretário-executivo das Cidades, Valmir Lemos, o governo trabalha com prioridades, e neste momento é necessário fazer a limpeza das cidades de forma articulada com os órgãos envolvidos.

“Não estamos encerrando um ano, mas dando continuidade a um trabalho iniciado há três anos e meio. Zeladoria é um trabalho contínuo. Temos aqui representantes das secretarias de Administração Penitenciária (Seape), de Agricultura (Seagri), Novacap, Detran, administrações regionais. É uma articulação institucional que se faz necessária. Olhem para a regional com muito carinho e muito critério. Aquilo que vocês realmente entenderem que é necessário e fundamental que seja feito agora, passem aqui para nós”, disse o gestor.

“Não estamos encerrando um ano, mas dando continuidade a um trabalho iniciado há três anos e meio. Zeladoria é um trabalho contínuo” Valmir Lemos, secretário-executivo das Cidades

A manutenção das faixas de pedestres também integra o rol de ações elencadas como importantes para as próximas semanas. O trabalho já começou a ser feito: até o momento, 450 faixas foram lavadas para retirada de camadas de sujeira que tira a visibilidade da pintura.

De acordo com o gerente de Engenharia do Detran, Bruno Aurélio, o trabalho é feito com hidrojato e manualmente com vassouras. “Vamos continuar com as lavagens até que venham as chuvas de maneira contínua. Após o período chuvoso, será feita a reforma das faixas”, explicou.

Poda e roçagem, coleta de entulho, reforma de calçadas, ações para tapar buracos, recapeamento asfáltico e recuperação de estradas rurais foram ações abordadas na reunião e serão estratégicas para os órgãos, com a colaboração dos polos do GDF Presente e equipes do projeto Mãos Dadas, da Seape.

Lavagem de faixa de pedestre em frente ao Posto de Saúde nº 3, na QNM 15 de Ceilândia

Para a estruturação do trabalho e mais eficiência das equipes, o subsecretário de Desenvolvimento Regional e Operações nas Cidades, Flávio Araújo de Oliveira, solicitou que as administrações façam um levantamento e informem qual o apoio necessário para as ações de limpeza. “É necessário um planejamento prévio de cada RA para que possamos incluir no cronograma e otimizar o serviço”, disse.

Parcerias e ações articuladas

O trabalho de zeladoria foi recentemente reforçado com o aumento de reeducandos do Mãos Dadas, que passou de seis para dez equipes. Eles trabalham de acordo com o cronograma dos polos do GDF Presente nas cidades.

A Novacap está licitando e vai disponibilizar, em breve, mais de 10 mil tampas de bocas de lobo e outros materiais de drenagem. A companhia vai atuar em três frentes: com obras diretas, empresas contratadas e fornecendo material para as administrações regionais

“Estamos hoje com 100 pessoas na rua trabalhando, um feito inédito para nós da Seape. Temos um projeto para reforma de parquinho e praças. Será uma mão de obra mais especializada, com pedreiros e serralheiros”, informou o gerente de Obras e Reparos da Seape, Hugo Alexandre de Azevedo.

O reforço das ações vem também da Novacap que está licitando e vai disponibilizar, em breve, mais de 10 mil tampas de bocas de lobo e outros materiais de drenagem. A companhia ​vai atuar em três frentes: com obras diretas, empresas contratadas e fornecendo material para as administrações regionais. Além disso, vai capacitar reeducandos da Seape para operarem com os rolinhos de compactação, usados nas operações para tapar buracos.

“Antes eram apenas seis máquinas da Novacap. Hoje são mais 33 rolinhos de compactação disponíveis, um em cada região. Com o novo treinamento que vamos fazer, as equipes estarão reforçadas”, disse o diretor do Departamento de Transporte e Manutenção do órgão, Rodolpho Diego Tavares Moreira.

*Com informações da Segov

 

Últimas Notícias