Fale com o Governo Ações em Destaques

17/10/23 às 18:55, Atualizado em 18/10/23 às 08:18

Iniciativa do GDF leva vacinação para taxistas

Secretaria de Saúde aplicou, nesta terça-feira (17), 166 doses em profissionais de uma categoria que possui alta exposição a doenças

Agência Brasília* | Edição: Igor Silveira

A sede do Sindicato dos Permissionários e Motoristas Auxiliares de Táxi do Distrito Federal (Sinpetaxi) foi palco de mais uma iniciativa de vacinação extramuros do Governo do Distrito Federal (GDF), por meio da Secretaria de Saúde (SES-DF). Um total de 166 doses foram aplicadas ao longo do dia, o que rendeu elogios por parte do setor. “O taxista transporta passageiros de todo o lugar do mundo. Nós somos de uma categoria que está sempre exposta”, explica o presidente do Sinpetaxi, Sued Silvio Souza.

Ranolfo Cardoso aproveitou a presença da equipe de saúde perto do aeroporto de Brasília para atualizar a caderneta de vacinação sem perder tempo | Foto: Divulgação/Agência Saúde-DF

Como a sede do sindicato é ponto de apoio para os taxistas próximo ao Aeroporto Internacional de Brasília, a ação da SES-DF teve boa adesão por permitir que os profissionais se vacinassem sem interromper a jornada do dia. “Facilitou muito. É aqui onde eu trabalho”, acrescenta Ranolfo Cardoso, 26 anos. Ele recebeu a versão bivalente da vacina contra a covid-19.

A secretária de Saúde, Lucilene Florêncio, destacou a união de esforços com a Secretaria de Transporte e Mobilidade (Semob-DF) e a Vice-Governadoria para levar as vacinas até os taxistas. “O destaque da ação é a transversalidade do governo, todos trabalhando em conjunto para fortalecer a nossa cobertura vacinal entre trabalhadores que têm contato com toda a população”, afirma.

“São cerca de 3 mil taxistas no DF convivendo cotidianamente com passageiros. Logo, é uma preocupação da Semob que esses profissionais estejam protegidos, imunizados, preservando a sua saúde, de suas famílias e dos usuários do transporte público individual da capital”, acrescenta o secretário de Mobilidade e Transportes, Flávio Murilo Prates.

*Com informações da Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES-DF)

Últimas Notícias